Esportes

Bruno Soares é finalista nas duplas do US Open

Tênis Junto com o britânico Jamie Murray, o brasileiro vai à final do último Grand Slam da temporada


Divulgação
Ao lado de Murray, o brasileiro Bruno Soares vai em busca do seu 7º Grand Slam, o terceiro em solo americano
Crédito: Divulgação

Bruno Soares está na final do US Open nas duplas masculinas. Ao lado do britânico Jamie Murray, o brasileiro venceu o eslovaco Filip Polasek e o australiano John Peers por 2 sets a 1, com parciais de 6-3, 3-6 e 6-4. Na decisão do último Grand Slam de 2021, Murray e Soares enfrentam o norte-americano Rajeev Ram e o britânico Joe Salisbury. O jogo decisivo será nesta sexta-feira (10), a partir das 13 horas (de Brasília).

Murray e Soares fizeram um primeiro set impecável. A dupla confirmou todos os serviços da parcial e contaram com duas quebras para vencer por 6 a 3. O último break point veio no último game, em que Polasek e Peers salvaram dois set points, mas não evitaram a quebra.

O segundo set foi exatamente o oposto do primeiro. Polasek e Peers conseguiram duas quebras de saque, inclusive fechando a parcial com um break point, e devolveram o 6 a 3, levando a decisão para o terceiro set.

Na parcial derradeira, nenhuma das duplas conseguiu abrir vantagem cedo. Murray e Soares conseuiram a única quebra de saque do set no sétimo game e confirmaram seus serviços para vencer por 6 a 3, fechando o jogo em 2 sets a 1.

Simples

Pela chave de Simples, Novak Djokovic e Alexander Zverev farão uma reedição da semifinal olímpica, desta vez em solo americano e também pela semifinal.

O sérvio derrotou o italiano Matteo Berrettini, oitavo colocado, na reedição da final de Wimbledon, por 3 sets a 1 com parciais de 5/7 6/2 6/2 6/3 após 3h26min de duração na lotada quadra Arthur Ashe.

O número 1 vence sua 26ª partida seguida de um Grand Slam e está a duas vitórias do 21º título para ultrapassar os recordes de Roger Federer e Rafael Nadal e também ser o primeiro desde Rod Laver em 1969 a vencer os quatro maiores torneios do mundo em um mesmo ano.

Para dar o penúltimo passo vai precisar consolidar a revanche contra o alemão Alexander Zverev, quarto colocado, que passou pelo sul-africano Lloyd Harris em sets diretos.

Do outro lado da chave, o russo Daniil Medvedev, vice-líder da ATP, está de volta à semifinal do US Open, a terceira consecutiva. Ele enfrenta o canadense Felix Auger Aliassime.


Notícias relevantes: