Esportes

F1: Hamilton erra em sprint e vê Bottas em 1°, mas Verstappen fica com pole

Hamilton (Mercedes), que iniciou na 2ª posição, largou mal e terminou a etapa em 5°


Divulgação
F1: Hamilton erra em sprint e vê Bottas em 1°, mas Verstappen fica com pole
Crédito: Divulgação

Emoção não faltou no sprint do GP da Itália, que acabou com vitória de Valteri Bottas (Mercedes). Apesar do feito, o finlandês, que teria o direito de largar em 1° amanhã, "entregou" a pole position para o vice-colocado Max Verstappen (Red Bull), já que trocou várias peças de seu carro e vai iniciar a corrida em último.

Daniel Ricciardo, da McLaren, encerrou a corrida curta na 3ª posição e, com pena aplicada para Bottas, sairá somente atrás de Verstappen na prova, marcada para às 10h (horário de Brasília).

Lewis Hamilton (Mercedes), que iniciou na 2ª posição, largou mal e terminou a etapa em 5°, atrás de Lando Norris (McLaren).

A pontuação do sprint ignora situações futuras, portanto, a pontuação foi a seguinte: Bottas (3 pontos), Verstappen (2 pontos) e Ricciardo (1 ponto).

Como foi o sprint?

O destaque da largada foi o ruim início de Hamilton, que perdeu quatro posições nos primeiros segundos da etapa - ele foi ultrapassado por Max Verstappen, Daniel Ricciardo, Lando Norris e Pierre Gasly.

Gasly, aliás, acabou ficando com parte da asa de seu carro presa no pneu dianteiro após leve toque em Ricciardo. O fato fez com que ele perdesse o controle e batesse, gerando uma bandeira amarela que durou três voltas.

Na relargada, o destaque ficou para um duelo entre campeões: Fernando Alonso (Alpine) não tomou conhecimento de Sebastian Vettel (Aston Martin) e ultrapassou o alemão ainda no início da bandeira verde.

Desde então, não houve ultrapassagens, e os pilotos optaram pela prudência para garantir presença no grid de amanhã.

 


Notícias relevantes: