Esportes

Olimpíadas tiveram 5 vezes mais internados por covid do que o divulgado


Divulgação
Olimpíadas tiveram 5 vezes mais internados por covid do que o divulgado
Crédito: Divulgação

O Comitê dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 revelou nesta quarta-feira (29) uma retificação no número de pessoas internadas por covid-19 durante as Olimpíadas.

Segundo a organização, houve cinco vezes mais hospitalizações do que o divulgado anteriormente. Ao todo, 25 pessoas precisaram desse tipo de atendimento. Antes, o comitê havia informado cinco casos.

"Os cinco primeiros que relatamos foram o número de residentes no exterior que foram hospitalizados. Nós divulgamos esses números para avaliar o quanto as pessoas do exterior sobrecarregariam o sistema médico", justificou presidente-executivo do comitê, Toshiro Muto.

Os dados anteriormente informados se referiam apenas a estrangeiros ligados às Olimpíadas e às Paralimpíadas. De acordo com a organização, 20 japoneses também deram entrada em hospitais na ocasião.

Ainda segundo os organizadores, 529 pessoas associadas aos dois eventos tiveram resultados positivos para a covid-19, de 1º de julho a 8 de setembro. O Japão recebeu mais 11.500 atletas durante as Olimpíadas e cerca de 4.400 nas Paralimpíadas. A maior parte das competições não teve presença de público.

O Japão, em estado de emergência devido à pandemia, viveu sua maior onda de casos do novo coronavírus durante os Jogos. No final de agosto, houve registros de 25 mil novos casos por dia.

As regras que limitam a vida noturna em Tóquio e em outras regiões japonesas devem chegar ao fim nesta semana, conforme anunciou o primeiro-ministro Yoshihide Suga, na terça-feira (28). A decisão foi tomada em meio à recente queda no número de casos.


Notícias relevantes: