Esportes

PSG vai mal, mas busca virada no sufoco com gols de Marquinhos e Di María


Divulgação
PSG vai mal, mas busca virada no sufoco com gols de Marquinhos e Di María
Crédito: Divulgação

O PSG passou sufoco, mas conseguiu a vitória de virada contra o Lille no Campeonato Francês. O time não jogou bem, mas venceu por 2 a 1 na tarde desta sexta-feira (29), no Parque dos Príncipes, para seguir na liderança isolada da competição.

Sem uma grande atuação, o Paris Saint-Germain viu o Lille sair na frente com Jonathan David. Marquinhos e Di María garantiram a virada no segundo tempo sem Lionel Messi, substituído no intervalo. Neymar deu a assistência para o segundo gol da equipe.

Com o resultado, o PSG chega a 31 pontos e lidera com folga o Francês o Lens, segundo colocado, tem dez pontos a menos. O Lille, atual campeão, é apenas o 11º, com 15 pontos.

Agora, o PSG se prepara para enfrentar o RB Leipzig, pela Liga dos Campeões. O jogo será disputado às 17h (de Brasília) da próxima quarta-feira (3). Um dia antes, o Lille visita o Sevilla, também pela Champions.

LILLE DOMINA

Em pleno Parque dos Príncipes, foi o Lille quem tomou conta do primeiro tempo. O time visitante mostrou um futebol organizado diante de um PSG perdido em campo e teve boas chances ao longo de 45 minutos. Aproveitou apenas uma, para a sorte do Paris Saint-Germain. Aos 30 minutos, Jonathan David recebeu dentro da área após boa troca de passes e mandou para o gol.

O PSG, por sua vez, ficou devendo antes do intervalo. O time comandado por Mauricio Pochettino não conseguiu criar no ataque e esteve bastante vulnerável no campo de defesa  1 a 0 ficou barato na primeira etapa.

MESSI SUBSTITUÍDO

A situação do PSG ficou um pouco mais complicada na volta para o segundo tempo. Lionel Messi, que não havia participado do treino de ontem, foi substituído por Icardi no intervalo.

Embora o PSG ainda não tenha comunicado, há a suspeita de um incômodo ou lesão do craque argentino.

VIRADA COM GOL BRASILEIRO

Mesmo sem jogar bem, o PSG conseguiu evitar a decepção dos torcedores e buscou uma virada que parecia improvável. Aos 28 minutos, Di María fez boa jogada pela esquerda e cruzou para Marquinhos, livre de marcação, só empurrar para a rede. A partir daí, o time de Paris cresceu. Mas foi só aos 42 que Di María conseguiu linda tabela com Neymar e marcou o gol salvador.

A virada evitou a frustração em casa e recolocou o PSG no caminho das vitórias  a equipe havia empatado com o Olympique de Marselha na última rodada tes de um compromisso importante na Liga dos Campeões.


Notícias relevantes: