Esportes

Atletismo vai à luta em disputa do Estadual

POR VAGAS Serão nove atletas do Time Jundiaí competindo em três dias no Centro Olímpico de SP


 DANIEL TEGON POLLI
Jean Douglas Paulino dos Santos está confiante para alcançar o índice nos 400 metros com barreira
Crédito: DANIEL TEGON POLLI

O Time Jundiaí de atletismo vai participar do Campeonato Estadual da Federação, que começa hoje (27), a partir das 8 horas, no Centro Olímpico, em São Paulo, com término no domingo (29).

Ao todo, serão nove atletas do Time Jundiaí participando dos três dias de competição. Hoje, André Alberi corre nos 5 mil metros e Thiago Ferreira, no lançamento de disco. No sábado, Amanda Pereira compete nos 100m; Tauanne Kauiza nos 100m e 200m; Carlos Henrique nos 100m e 200m; Gilvan de Moura nos 100m e 200m; Jean Douglas nos 200m e 400m com barreira; Gustavo Henrique nos 200m; e Kaique Vinícius nos 400m com barreira.

Em algumas provas, os atletas disputam a fase classificatória em um dia e a fase final no dia seguinte.

"O objetivo da equipe é bater os índices para se classificar aos Jogos Abertos, ou chegar o mais próximo possível", comenta Robson Mian, treinador da equipe.

A estimativa é de mais de 1.100 atletas inscritos, com participação de pessoas de fora do estado de São Paulo, devido à qualidade e dificuldade do torneio. Mas quem é de fora não terá o direito à premiação, somente aos índices.

A atleta dos 100m, Amanda Pereira Vasconcelos, de 18 anos, vai competir pela primeira vez no adulto, mas já tem uma boa experiência, pois está há quatro anos no Time Jundiaí. "Acabo ficando na expectativa, são provas muito fortes, com boas atletas que vão para buscar índices internacionais. Estou ansiosa, mas no sentido positivo. Vou para lá, fazer o que treino no dia a dia", pontua.

Para Jean Douglas Paulino dos Santos, de 21 anos, velocista dos 200m e 400m com barreira, este será seu terceiro Estadual no adulto. "Hoje em dia eu não fico mais nervoso nesse tipo de competição. Estou vindo de uma sequência forte de treinos e minha expectativa é de conseguir o índice dos 400m com barreira, que, para mim, falta 1 segundo. Darei o meu melhor".


Notícias relevantes: