Esportes

Na Vila, Santos e Fluminense ficam no empate


JOTA ERRE/Photo Premium/Gazeta Press
Com gols de Luiz Felipe e Marcos Leonardo, o Peixe empatou com o Fluminense
Crédito: JOTA ERRE/Photo Premium/Gazeta Press

Pelo fechamento da 20ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Santos empatou com o Fluminense por 2 a 2, na noite desta segunda-feira (1), na Vila Belmiro.

A partida começou com o Fluminense à maneira de Diniz, trocando muitos passes, girando a bola, mas com pouco dinamismo. Muito da dificuldade tricolor era resultado da marcação forte do Santos, com seus homens de meio e ataque. Aos 15 minutos, Luiz Felipe abriu o placar na Vila Belmiro. A bola foi lançada na área do Fluminense, recebeu um desvio. O zagueiro deu uma abaixada e desviou de nuca para dentro do gol: 1 a 0.

Após marcar, o Santos deu ainda mais a bola nos pés do Fluminense para se fechar na defesa e contra-atacar. Aos poucos, o Tricolor conseguiu romper a forte marcação do Peixe para tentar buscar o gol de empate. A equipe de Lisca ainda ensaiou umas escapadas em velocidade, mas não conseguiu surpreender a defesa do Fluminense para ampliar o resultado.

A segunda etapa começou com o Fluminense pressionando e indo para cima do Peixe. Aos 23 minutos, Sandry derrubou Matheus Martins dentro da área e o árbitro marcou o pênalti para o Fluminense. Na cobrança, Ganso bateu com categoria, de 'cavadinha', no meio do gol, deslocando João Paulo: 1 a 1.

Logo na sequência, aos 26 minutos, Arias virou o jogo para o Fluminense. Após erro na saída de bola do Santos, no reinício da partida, Nino fez um longo cruzamento da defesa, direto para Cano, no campo do Santos. O argentino não conseguiu o domínio, a bola bateu em suas costas e voltou. Na sobra, Arias percebeu João Paulo adiantado e chutou forte no canto para virar o jogo.

Aos 40 minutos, Marcos Leonardo empatou para o Santos. Em jogada de contra-ataque fulminante. Fernandez fez ótimo cruzamento para Ângelo em velocidade. O jovem tocou para Marcos Leonardo na área e o atacante bateu no ângulo: 2 a 2.

(Lucas Hideo e Agências)

 


Notícias relevantes: