Esportes

Equador quer a final no país


Após a Conmebol demonstrar preocupação às autoridades equatorianas com relação à segurança da final da Libertadores, por conta dos protestos de junho, o governo do Equador garantiu à direção da Conmebol que haverá investimento para a segurança de turistas e delegações durante a final, marcada para o Estádio Monumental de Guayaquil, em 29 de outubro. O presidente Guillermo Lasso assinou um decreto demonstrando o interesse pela final no país.


Notícias relevantes: