Esportes

Para seguir na disputa, Galo joga em Penápolis

TUDO OU NADA Paulista e Penapolense se encaram hoje (6), às 15h, em busca da vaga às quartas


Lucas Hideo
Treinando fora do Jayme Cintra, o elenco do Paulista está focado para a decisão de hoje (6), em Penápolis
Crédito: Lucas Hideo

A última vaga do Grupo 7 para as quartas de final do Campeonato Paulista Sub-23 será decidida hoje (6), às 15 horas. Na disputa, Penapolense, Paulista e Manthiqueira jogam por uma chance para continuar sonhando com o acesso à Série A3. Com transmissão da Rádio Difusora 810 AM, o Galo enfrenta o Penapolense, em Penápolis.

Enquanto isso, o Manthiqueira encara o já classificado Grêmio São-Carlense, em Guaratinguetá.

Na preparação para a 'decisão' de hoje, o Paulista treinou durante três dias da semana no Clube de Campo do Sindicato dos Metalúrgicos, afastado da cidade. Apesar de ser um local mais calmo, que ajuda na concentração dos atletas, a mudança ocorreu de maneira forçada, já que o campo do Jayme Cintra estava prejudicando os treinos físicos e táticos.

"Tanto para eles, quanto para a gente, ganhou, classificou. Então, a expectativa é de buscar esse resultado, pois como são três que tem chances, tudo pode acontecer. Em relação à mudança do local, é mais uma questão de segurança de trabalho. Infelizmente, temos quatro jogadores machucados por conta do nosso campo. Está triste, para fazer cada profissional render o que ele pode, tem que ter condições, principalmente pela nossa característica jogo, que trabalha bastante com bola no pé", pontua Roberval Davino.

Com o retorno do zagueiro Koiote, que cumpriu suspensão na rodada passada, e a recuperação de Natan, que começou no banco, o Paulista deve entrar em campo com: Felipe Viotti; Lucas Sena, Koiote, Lucas Augusto e Guilherme Carioca; João Victor, Morungaba e Ceará; Carlinhos, Natan e Moreira.

A última rodada do Grupo 7 começa com o Grêmio São-Carlense, liderando com 13 pontos. Na sequência, Penapolense e Paulista, respectivamente, com 5; e Manthiqueira, na lanterna, com 4.


Notícias relevantes: