Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Corinthians supera Santos nos pênaltis e vai buscar o tricampeonato

Folhapress | 09/04/2019 | 08:36

Pelo terceiro ano consecutivo, o Corinthians disputará a final do Campeonato Paulista e terá a chance de alcançar o seu quarto tricampeonato estadual.

Nesta segunda-feira (8), a equipe do Parque São Jorge superou o Santos nas cobranças de pênaltis, por 7 a 6, e vai enfrentar o São Paulo na decisão do torneio, 16 anos após a última vez em que as equipes decidiram a competição.

Palco das duas finais em 2003, ambas vencidas pelos corintianos por 3 a 2, o Morumbi receberá no domingo (14) o jogo de ida da finalíssima desta edição.

Há exatos 80 anos, o Corinthians conquistou pela última vez um tricampeonato estadual. A série ocorreu entre 1937, 1938 e 1939. O time também foi tricampeão em 1922, 1923 e 1924, além da sequência em 1928, 1929 e 1930.

Após vencer o jogo de ida contra o time santista em Itaquera, por 2 a 1, os corintianos acabaram derrotados por 1 a 0 no Pacaembu, o que levou a decisão para as penalidades. Victor Ferraz desperdiçou a sua cobrança, que resultou na vitória do rival.

Apesar da desclassificação, o Santos saiu de campo aplaudido por sua torcida. A equipe pressionou os corintianos durante a partida inteira. Teve uma impressionante posse de bola de 68%, 473 passes certos contra 126 toques dos corintianos, além de 11 finalizações ante uma do adversário, segundo dados do Footstats.

O time de Jorge Sampaoli, porém, só conseguiu vazar a meta de Cássio já aos 41 minutos da etapa final, com o zagueiro Gustavo Henrique testando a bola para a rede após cruzamento de Victor Ferraz, pelo lado direito.

Até então, o camisa 12 corintiano havia feito, pelo menos, seis defesas difíceis na partida.

A atuação do goleiro foi reflexo da postura tática definida por Fábio”Carille, com uma forte retranca, uma vez que o empate daria a vaga ao alvinegro da capital.

O time do Parque São Jorge confiou tanto na vantagem do duelo de ida que abdicou do ataque de tal forma que terminou o jogo sem nenhum escanteio.

 

 

 

corinthiansFoto: Luís Moura/WPP/Folhapress)


Link original: https://www.jj.com.br/esportes/54721/
Desenvolvido por CIJUN