Esportes

Com Neymar e Coutinho, Tite arma provável time para hoje

Neymar e Coutinho durante treino da seleção brasileira
Crédito: Reprodução/Internet
Durante a semana de treinos da seleção brasileira, em Miami, nos nos Estados Unidos, o técnico Tite mostrou quais devem ser os jogadores que irá escolher para começarem jogando o amistoso entre Brasil e Colômbia, nessa sexta-feira (6), às 21h30, no estádio Hard Rock. A formação tem a volta de Neymar e a permanência de Philippe Coutinho, que terminou a Copa América questionado. A equipe completa que começou o treino coletivo de quarta (4) na Barry University, tinha Ederson, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro; Casemiro, Arthur e Philippe Coutinho; Richarlison, Neymar e Roberto Firmino. Tite promoveu um duelo contra o time reserva e participou o tempo todo da atividade pedindo a participação dos goleiros na troca de passes e uma constante troca de função entre Neymar e Coutinho. Os dois se revezavam entre a armação das jogadas pelo meio e a posição de ponta esquerda do ataque brasileiro. Firmino foi a referência atuando de centroavante, enquanto Richarlison ocupou a ponta direita, como aconteceu com Gabriel Jesus na Copa América. O setor defensivo, que já havia sido ensaiado ontem, se manteve. O time reserva começou os trabalhos com Weverton, Fagner, Éder Militão, Samir e Jorge; Fabinho, Allan e Lucas Paquetá; David Neres, Vinícius Júnior e Bruno Henrique. O curioso, embora já imaginado, foi o uso de Bruno como centroavante. Essa facilidade de trocar a ponta pelo centro do ataque foi o que mais atraiu Tite ao convocar o jogador, que vem sendo o grande destaque do Flamengo neste ano. No segundo tempo do trabalho coletivo, a maior surpresa da convocação, o goleiro Ivan, da Ponte-Preta, foi o responsável por substituir o palmeirense Weverton no gol do time reserva e defender as finalizações de Neymar, Coutinho e companhia. Já sem a presença da imprensa, o comandante da seleção brasileira trabalhou as jogadas ensaiadas e de bola parada. O Brasil não marca um gol de falta desde 2014, quando Neymar balançou a rede na vitória por 1 a 0 contra a Colômbia, mesmo adversário de hoje a noite. [caption id="attachment_66943" align="alignnone" width="800"] Neymar e Coutinho durante treino da seleção brasileira[/caption]

Notícias relevantes: