Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Corinthians e Vitória têm final dramático e ficam no empate

FOLHAPRESS | 21/10/2018 | 19:05

O Corinthians ficou perto de derrotar o Vitória no Barradão na tarde deste domingo (21), mas sofreu um gol no último minuto e viu o time da casa arrancar o empate por 2 a 2. Apesar disso, a equipe paulista respirou na briga contra o rebaixamento no Brasileirão após o confronto direto em Salvador. O time rubro-negro saiu na frente, com Rhayner, e viu os corintianos chegarem à igualdade com Jadson ainda na primeira etapa. Roger fez o segundo gol corintianos nos acréscimos, mas Neilton empatou novamente aos 48 minutos da etapa final.

Se vencesse, o Vitória ultrapassaria o próprio Corinthians na tabela. Com o empate, o time do técnico Jair Ventura manteve os três pontos de vantagem sobre o Vitória. Os paulistas somam agora 36 pontos e ocupam a 12ª posição – agora são cinco pontos de vantagem sobre o Ceará, o primeiro time do grupo do descenso. A equipe baiana foi a 33 pontos e ficou na 16ª posição – os baianos terminarão a rodada na zona de rebaixamento no caso de vitória da Chapecoense sobre o Cruzeiro neste domingo, no Mineirão.

O Corinthians volta a campo no próximo sábado. O time paulista recebe o Bahia em Itaquera às 19h (de Brasília). Já o Vitória enfrenta o São Paulo no Barradão na sexta-feira, às 19h30. Em situação de risco no Campeonato Brasileiro, o Vitória se lançou ao ataque em busca do primeiro gol. Depois de duas defesas de Cássio em apenas sete minutos, o time da casa conseguiu ir às redes. No lance, Rhayner recebeu na entrada da área e arriscou para o gol. A bola saiu rasteira e entrou no canto direito do goleiro corintiano.

O gol no começo da partida fez o Corinthians sair para o jogo, A equipe do técnico Jair Ventura, porém, voltou a encontrar problemas para concluir ao gol. O único chute à meta do Vitória foi com Pedrinho, de fora da área. A bola, no entanto, saiu por cima do gol. A posse de bola do Corinthians deu resultado aos 31 minutos de jogo. E com golaço. Danilo Avelar subiu ao ataque e, mesmo marcado por dois atletas do Vitória, conseguiu cruzar a bola. Jadson pegou de primeira e mandou no ângulo da meta defendida pelo goleiro Ronaldo.

O Corinthians chegou a virar a partida com Roger aos 45 minutos da etapa final. Depois de um passe em profundidade, o atacante tocou na saída do goleiro para marcar. Mas o Vitória reagiu em seguida: Neilton pegou a sobra após um cruzamento e bateu de primeira no alto para fazer 2 a 2.

VITÓRIA
Ronaldo; Jeferson, Lucas Ribeiro, Aderllan e Fabiano; Arouca, Willian Farias e Rhayner (Rodrigo Andrade); Lucas Fernandes (Neilton), Erick e Walter Bou (Léo Ceará).
T.: Paulo César Carpegiani

CORINTHIANS
Cássio; Fagner, Léo Santos, Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Douglas (Araos); Romero, Jadson, Emerson Sheik (Roger) e Pedrinho (Clayson).
T.: Jair Ventura

Árbitro: Rafael Traci (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Rafael Trombeta (ambos do PR)
Cartões amarelos: Lucas Ribeiro (Vitória); Douglas, Romero, Roger e Clayson (Corinthians)
Público: 18.663 torcedores.
Gols: Rhayner (VIT), aos 8min do primeiro tempo, Jadson (COR), aos 31min do primeiro tempo; Roger (COR), aos 45min do segundo tempo, e Neilton (VIT), aos 48mins do segundo tempo.

Foto: Estadão Conteúdo

Foto: Estadão Conteúdo


Link original: https://www.jj.com.br/esportes/corinthians-e-vitoria-tem-final-dramatico-e-ficam-no-empate/
Desenvolvido por CIJUN