Esportes

Corinthians pede para não jogar aos domingos

Na tentativa de evitar ações trabalhistas no futuro, o Corinthians solicitou, nesta segunda-feira (11), à Rede Globo, à CBF e à FPF (Federação Paulista de Futebol) para não entrar mais em campo no período noturno nem aos domingos. Em comunicado enviado à emissora e às entidades, o Corinthians formalizou o pedido. O Grupo Globo não vai se pronunciar sobre o assunto, mas a reportagem apurou que a emissora recebeu a carta do Corinthians sobre o assunto. A avaliação da emissora é que a atitude vau contra toda a estrutura do futebol. Na última semana, o Corinthians homologou acordo na Justiça e vai pagar R$ 750 mil ao ex-jogador Paulo André, que atuou no time paulista de 2009 a 2014. Na ação que moveu em 2014, ele acusou o clube de descumprir diversas obrigações trabalhistas, entre as quais o não pagamento dobrado pelo trabalho prestado aos domingos e feriados. Paulo André também reivindicou descanso remunerado, alegando que por diversas vezes trabalhou todos os dias da semana.

Notícias relevantes: