Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Kleberson Krasucki mira o Pan e Olimpíada

| 23/05/2014 | 02:01
Após ficar semanas afastado das pistas em 2013 por causa de uma fratura por estresse na tíbia, o meio-fundista Kleberson Davide Krasucki, de 28 anos, teve de parar novamente neste ano devido a um edema no mesmo local. A medida foi preventiva e surtiu efeito. O atleta do Pinheiros, que mora em Valinhos e é casado com Franciela Krasucki (velocista dos 100m e 200m), voltou aos treinos específicos nesta semana na pista de atletismo do Bolão, em Jundiaí, pensando no Campeonato Ibero-Americano, em agosto, e no Troféu Brasil Caixa de Atletismo, em outubro. 

Na duas disputas, Kleberson buscará o índice nos 800m para as competições mais importantes de seu planejamento: os Jogos Pan-Americanos de Toronto (Canadá), em 2015, e a Olimpíada do Rio de Janeiro, em 2016. Ele garante estar curado da lesão e vinha fazendo trabalhos físicos normalmente. “Encarei exercícios de musculação, hidroginástica e ciclismo, sempre em dois períodos. Quero voltar com tudo e, agora, trabalhar com mais calma, focado em pequenos detalhes que preciso melhorar. Tive saudades da pista”, conta.

O meio-fundista não está preocupado sobre quando voltará a ter boas marcas. “Será o mais breve possível, de preferência no Ibero-Americano e no Troféu Brasil. Este último terá para mim um gostinho especial, pois nunca tinha ficado de fora, como ocorreu em 2013, por causa da lesão”, lembra. O corredor de 28 anos foi segundo colocado no Troféu Brasil de 2008 e levou o ouro em 2007, 2009, 2010, 2011 e 2012. Esteve em duas Olimpíadas, em Pequim-2008 e em Londres-2012.


Link original: https://www.jj.com.br/esportes/kleberson-krasucki-mira-o-pan-e-olimpiada/
Desenvolvido por CIJUN