Esportes

PSG vira no final e vai à semi da Champions

T_Neymar
Crédito: Reprodução/Internet
As cornetas estavam preparadas para criticar o Paris Saint-Germain em mais uma odisseia fracassada na Liga dos Campeões. Mas o futebol é tão incrível que mesmo com tantos exemplos esfregados na nossa cara ainda ficamos boquiabertos. Foi de Marquinhos o gol de empate aos 45 minutos do segundo tempo e de Choupo-Moting o gol da virada aos 48, ambos com participação fundamental dele, Neymar Jr. . E o PSG, comandado pelo brasileiro que ouviu as redes e adotou o penteado moicano, derrotou a Atalanta de virada, por 2 a 1, no Estádio da Luz, em Lisboa, nesta quarta-feira (12), voltando a uma semifinal de Champions pela primeira vez desde a temporada 1994/95. Disparado o melhor Mesmo tendo perdido um gol incrível logo no início do jogo, Neymar foi o destaque do time francês. Jogou praticamente sozinho no ataque por boa parte do jogo, driblando, criando e finalizando, com a ressalva de que perdeu duas chances que não costuma perder. Após a entrada de Mbappé, a 30 minutos do fim, o craque brasileiro teve com quem dialogar. Seguiu sofrendo faltas, passando por adversários sem tomar conhecimento e ainda participou diretamente dos dois gols, com a assistência para Marquinhos e o passe para Mbappé no lance da virada de Choupo-Moting. "Nada tira da minha cabeça que vamos disputar o título", disse o camisa 10. O time que encantou A Atalanta de Gian Piero Gasperini cai de pé possivelmente como uma das estreias mais marcantes na história do torneio. Abriu o placar num lindo chute de Pasalic aos 26 minutos do primeiro tempo, mas caiu fisicamente na etapa final e acabou engolida nos minutos finais, já com seis amarelados. Entregou futebol e entretenimento. Talvez na próxima temporada (já que está garantida na fase de grupos após o terceiro lugar no Italiano) consiga aumentar ainda mais o nível de competitividade mesmo com um orçamento bastante inferior em relação aos mais poderosos do continente.

Notícias relevantes: