Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

São Paulo tenta quebrar tabu na Arena da Baixada

DA FOLHAPRESS | 08/06/2018 | 21:37

O São Paulo tenta hoje, às 16h na Arena da Baixada, em Curitiba, quebrar um tabu: vencer o Atlético-PR no campo do time do Sul do país pela primeira vez. Desde 1999, quando a arena foi inaugurada, foram 18 jogos, com 13 vitórias atleticanas e cinco empates. O meia-atacante Diego Souza está empolgado com a campanha do São Paulo neste Campeonato Brasileiro. Com apenas uma derrota em 10 partidas, o clube ocupa a sexta colocação na classificação geral, com 17 pontos, um a menos do que o vice-líder Sport. O Furacão tem apenas nove e está em 17º, na zona de rebaixamento.

O camisa 9 do Tricolor acredita que o time pode alçar voos mais altos durante a competição após a pausa para a Copa do Mundo.
“Até a parada para a Copa, o time soma pontos e se mantém em cima. Quando volta tem uma espécie de pré-temporada e você se prepara muito melhor para a equipe. Com essa pré-temporada, o Aguirre vai ter tempo para fazer as coisas que ele não conseguiu por causa de jogos em cima de jogos. Com este tempo para trabalhar, a gente é um candidato ao título, com certeza”, disse Diego Souza.

LEIA TAMBÉM

Corinthians busca espantar a má fase contra o Vitória

Galo terá novo goleiro contra o União Mogi
“O Atlético-PR em casa sempre é difícil. Mas pelo São Paulo ainda não tive a felicidade de jogar lá. Será o meu primeiro jogo, mas sabemos que temos condições de fazer uma grande partida. O Atlético vive um momento difícil e [SÁBADO]quem sabe pode ser um grande dia para vencer lá”, disse o atacante, que destacou a importância do trabalho do técnico Diego Aguirre no São Paulo. “O Aguirre foi um cara sensacional para a minha volta por cima. Ele trouxe minha confiança de volta. Perguntou se me desse a oportunidade, se eu queria. Disse que queria jogar e jogar bem. O Aguirre me deu essa confiança e isso fez com que eu pudesse estar tranquilo e mais leve para jogar futebol”, completou Diego Souza.

No time de Curitiba, o técnico Fernando Diniz terá dois desfalques: os zagueiros Zé Ivaldo, suspenso, e Paulo André, ainda em recuperação de dores nas costas. Se estiver 100%, Pavez deve assumir a vaga de Zé Ivaldo na zaga.


Link original: https://www.jj.com.br/esportes/sao-paulo-tenta-quebrar-tabu-na-arena-da-baixada/
Desenvolvido por CIJUN