Esportes

Tite vive ‘quebra-cabeça’ e convoca a seleção amanhã

T_Tite
Crédito: Reprodução/Internet
O técnico da seleção brasileira, Tite, convoca amanhã (16), às 11h, os jogadores que irão disputar dois amistosos marcados para setembro, nos Estados Unidos. A maior dificuldade do treinador e sua comissão técnica nessa convocação será montar o ataque do Brasil, já que não poderá contar com alguns dos principais nomes do time para enfrentar a Colômbia, dia 6 de setembro, em Miami e Peru, 10 de setembro, em Los Angeles. Um dos jogadores de confiança de Tite que não será chamado é Gabriel Jesus, que está suspenso por dois meses pela Conmebol por ter feito gesto de roubo, socado o banco de reservas e quase derrubado o monitor do VAR após ser expulso na final da Copa America. Já Neymar até pode ser convocado, pois está recuperado de lesão e aprimorando a forma física, porém, o atacante está treinando sozinho no PSG devido a situação vivida fora de campo (Barcelona e Real Madrid brigam por sua contratação). Neymar não participou de nenhum jogo da equipe francesa durante a pré-temporada, então a falta de ritmo também deve contribuir para Tite não chamá-lo. Roberto Firmino, Richarlison e David Neres, campeões da Copa América, devem ser três, dos seis atacantes que o treinador da seleção costuma convocar. Com isso, jogadores que tiveram poucas oportunidades ou nunca foram convocados podem aparecer na lista de Tite, como Bruno Henrique, Gabigol e Éverton Ribeiro, todos do Flamengo. Jogador do Real Madrid e uma das maiores promessas do futebol brasileiro, Vinícius Júnior foi convocado em março deste ano, mas se machucou e desde então ainda não retomou as melhores atuações. Mesma situação de Pedro, camisa 9 do Fluminense. Ambos correm por fora na disputa pelas vagas. Caso o comandante da seleção brasileira opte por jogadores que atuam na Europa e ainda estão em pré-temporada, as opções são Douglas Costa, da Juventus e Lucas Moura, do Tottenham. William foi o substituto de Neymar na Copa América, mas já disputou duas Copas do Mundo e não deve permanecer no ciclo que Tite prepara para o Mundial de 2022. A convocação da seleção brasileira acontece amanhã (16), às 11h, na sede da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), no Rio de Janeiro.

Notícias relevantes: