Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Um campeão luta para surpreender

| 08/05/2014 | 09:14

Para quem foi campeão mundial em 1998, vencendo em casa o hoje pentacampeão Brasil, não deve ser fácil encarar uma Copa do Mundo como “coadjuvante”, como tende a ser a França em 2014. O problema é que os “Bleus” mesclaram duas péssimas campanhas (2002 e 2010 não passaram da primeira fase) intercaladas com o fim do ciclo Zidane em 2006, na Alemanha, quando eliminou o Brasil novamente e perdeu a final para a Itália nos pênaltis.

Em busca de renovação, o selecionado francês (comandado por Didier Deschamps, capitão campeão do mundo há 16 anos) aposta no excelente atacante Franck Ribéry, do Bayern de Munique, para surpreender. Os “Bleus” ainda contam com o faro de gol de Karim Benzema (Real Madrid-ESP) e de Olivier Giroud (Arsenal-ING).

Além disso, os franceses têm a geração campeã mundial sub-20 em 2013. E mesclar juventude com experiência é mesmo a meta da equipe. Foi um sufoco carimbar o passaporte ao Brasil-2014. Na fase de grupos da Eliminatória Europeia, até realizaram uma campanha consistente, ficando em segundo lugar, atrás da campeã Espanha.

O susto na torcida foi na repescagem frente à Ucrânia. No jogo de ida, em Kiev, derrota por 2 a 0. Foram, então, pressionados para a partida de volta, em Paris. A França foi empurrada por um Stade de France em ebulição, conseguiu superar a larga desvantagem e ganhar por 3 a 0. Quem sabe essa classificação épica não marca o início de uma nova fase de triunfos?


Link original: https://www.jj.com.br/esportes/um-campeao-luta-para-surpreender/
Desenvolvido por CIJUN