Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Entre umas e outras

| 10/06/2014 | 01:00

OS BILIONÁRIOS DE CHAMPAGNE – A revista francesa “Chalenger”, divulgou recentemente o ranking das 500 maiores fortunas da França. O que mais causou curiosidade é que 15 delas estão nas mãos de executivos ligados ao Champagne. Isso mesmo! Equivalente a 16% do PIB francês, as 500 personalidades somaram 330 bilhões de euros.

Sabem quem figura em primeirão da lista? Bernard Arnault, o maior acionista do grupo LVMH, leia-se: Louis Vuitton Moet Henessy, proprietário da Moet Chandon, Veuve Clicquot, Krug, Ruinart e Mercier, é mole? Na lista ainda aparecem famílias proprietárias de outras marcas de champagnes conhecidas, como: Mumm e Perrier Jouet, Louis Roederer e Deutz, Bollinger e Ayala, Henriot, Pommery, Laurent Perrier, Taittinger e Pol Roger. 

BOM TAMBÉM – Um estudo realizado pela Universidade de Paris em conjunto com a Universidade de Bordeaux concluiu que o consumo moderado de vinho está diretamente ligado a uma menor taxa de mortalidade em homens de meia idade. Tal pesquisa acompanhou 35 mil homens, durante 28 anos, e encontrou forte relação do consumo do vinho e baixo risco de morte por doenças ligadas ao coração, pulmão, bexiga e câncer. Concluiu ainda que o consumo moderado do vinho pode baixar em até 40% a mortalidade. Em outro estudo publicado no “Journal Epidemiology Health”, chegaram à conclusão que beber uma taça de vinho por dia pode aumentar a expectativa de vida em até cinco anos! Nada mal hein?!

BOM PARA OS OSSOS – A Universidade Estatal de Oregon, nos Estados Unidos, afirmou, após estudo, que mulheres que se encontram na menopausa, tomando uma taça de vinho por dia, ajudam a prevenir a osteoporose. Tal pesquisa foi publicada na revista “Menopause” e foi feita com 40 mulheres na menopausa, sem antecedentes de osteoporose. Analisando os resultados do grupo até então abstêmio, a equipe percebeu uma alteração nas substâncias que indicam a osteoporose, normalizadas após a ingestão do vinho. 

MAIS UMA – De acordo com um estudo publicado na revista “British Medical Journal”, a dieta seguida de quem bebe vinho é mais saudável que a daqueles que consomem outras bebidas, como a cerveja. A pesquisa concluiu que os bebedores de vinho são os que consomem alimentos mais saudáveis como azeitonas, frutas, verduras e carnes brancas, enquanto os de cerveja estão mais ligados a produtos industrializados e congelados.

O BRINDE NO GUINESS BOOK – A cidade de Anadia, na Bairrada, Portugal, entrou para o livro dos recordes, o famoso Guiness Book, por ter feito o maior brinde em cadeia no mundo. Tal evento juntou 1.275 pessoas alinhadas, com os braços esticados e com uma taça de espumante nas mãos, para brindarem com a pessoa ao lado. O recorde anterior estava nas mãos dos japoneses que brindaram simultaneamente com 886 pessoas. Na região da Bairrada, além de grandes brancos e tintos, existem bons espumantes elaborados com a uva baga. Os produtores Luis Pato, Filipa Pato e Campolargo produzem espumantes de primeiríssima linha e se acompanhados pelo famoso leitão da Bairrada, então, demais!

VAI ENCARAR? A toda poderosa “Sotheby’s” vai leiloar uma coleção particular da Domaine Romanèe-Conti e espera arrecadar mais de 2 milhões de dólares. Estarão à disposição para lances mais de 140 lotes, incluindo 36 garrafas Matusalém (6 litros), 70 garrafas Magnum (1,5 litro) e mais de 400 rótulos entre as safras de 1970 a 2003. Dizem por aí que o deputado P. Maluf tem uma coleção de Romanée-Conti desde a safra de 1960 na sua adega particular… Dizem!

VINO ARGENTINO – BEBIDA NACIONAL – Por unanimidade, o senado argentino declarou o vinho como bebida nacional.  A lei aprovada regulamentará a identificação de todos os vinhos elaborados no país, que levará um selo com os dizeres: BEBIDA NACIONAL, dando um passo além na classificação do vinho como alimento e não apenas bebida alcoólica. Enquanto isso, no Brasil… Ah! Esqueci… O Brasil é o país do futebol!


Link original: https://www.jj.com.br/estilo/entre-umas-e-outras-2/
Desenvolvido por CIJUN