Hype

Carla Bruni-Sarkozy fala sobre novo álbum


Divulgação
Carla Bruni-Sarkozy
Crédito: Divulgação

Carla Bruni-Sarkozy, a supermodelo que virou musicista, passou o isolamento da Covid no lindo sul da França, onde morou com seu marido, Nicolas Sarkozy, e seu bando de filhos. Lá, escondida em um estúdio improvisado, ela terminou seu sexto álbum de estúdio autointitulado , que será lançado em 9 de outubro. (Você pode ouvir o single “Un Grand Amour” do álbum aqui .)

Bruni-Sarkozy, 52, retornou recentemente a Paris, onde, segundo ela, “todos estão voltando ao trabalho com prudência” e ela está ocupada planejando um tour virtual. Veja como ela está lidando com tudo, abaixo.

TRABALHANDO COM O STRESS

No início do bloqueio, estávamos no sul da França. Havia muita ansiedade. Você não podia se projetar no futuro, e não estávamos acostumados com isso. Portanto, havia muito estresse. Mas estávamos presos ali, e meu marido e eu começamos a trabalhar.

Eu tinha cerca de 40% do álbum escrito antes do confinamento. O resto do álbum eu fiz naquela época. Felizmente, levei comigo tudo o que precisava: um microfone, um computador, uma guitarra. O confinamento se tornou um período de trabalho muito produtivo para mim. Tínhamos horas intermináveis e nenhuma escola.


Notícias relevantes: