Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Pedestres se arriscam para atravessar rodovia em Jarinu

| 07/09/2014 | 22:50

Os 11,5 mil veículos que trafegam diariamente entre os quilômetros 77 e 78 da rodovia Edgard Máximo Zambotto (SP-354), em Jarinu, aliados à falta de faixas e passarelas para pedestres, colocam em risco a vida dos moradores dos bairros Trieste e Nova Trieste, localizados na região leste do município. Isso porque parte dos 13 mil habitantes que vivem na localidade precisa atravessar a estrada para ir ao trabalho ou utilizar o transporte público.

“É complicado pegar um ônibus aqui. Eu moro no Nova Trieste, mas tenho que atravessar a pista sentido ao Trieste, já que o ônibus que pego passa do outro lado da rodovia”, afirma Márcio Alves, de 28 anos. O auxiliar de almoxarifado explica que outras pessoas também fazem o procedimento arriscado. “Se nós não atravessamos a rodovia, ficamos sem opção de locomoção.”

Aos 60 anos, Valdete Araújo sai de casa com medo quando quer ir até o Centro de Jarinu. “Tenho que descer um barranco em uma escada com degraus pequenos. Depois disso, acho complicado atravessar a rodovia, pois não tenho mais agilidade para desviar dos carros em alta velocidade”, conta.


Link original: https://www.jj.com.br/jj-nos-bairros/pedestres-se-arriscam-para-atravessar-rodovia-em-jarinu/
Desenvolvido por CIJUN