Jundiaí

Vacinação atinge 64% da meta esperada em Jundiaí

O objetivo era vacinar 19.350 crianças, porém foram aplicadas 12.345 doses da vacina de pólio


DIVULGAÇÃO
Em Jundiaí, todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) aplicam as vacinas
Crédito: DIVULGAÇÃO

Assim como os índices nacionais, Jundiaí também não atingiu a meta de vacinação durante a Campanha Nacional de Vacinação contra Poliomelite e Multivacinação. Segundo a Vigilância Epidemiológica, órgão da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS) da Prefeitura de Jundiaí, o objetivo do município era vacinar 19.350 crianças, com faixa etária de 1 a 4 anos de idade, porém até quinta-feira (12) foram aplicadas 12.345 doses da vacina de pólio, o que corresponde a 63,80% do total esperado.

Em contrapartida, a maioria das vacinas da rotina tem cobertura dentro do esperado, ou seja, em torno de 95% de cobertura.

Quem se preocupou em atualizar a carteirinha das crianças sabe da importância deste ato. Assim foi com Marcely Cristina Zambello, de 41 anos, que mantém a carteirinha de vacinação dos filhos Pedro Miguel Zambello da Silva, de 1 ano e três meses, e do Fernando Zambello da Silva, de 11 anos em dia.

Pedro, inclusive, já tomou a vacina de prevenção contra a poliomielite no início da campanha. "Eu coloco bilhetes na geladeira com as data para não perder nenhuma vacina e fico atenta as campanhas. Pedro tomou a polio junto com outras vacinas que ele já precisava tomar. Deixar as vacinas em dias é fundamental para manter a saúde deles e evitar a proliferação de algumas doenças", explica.

Marcely ressalta que seu filho mais velho, Fernando, foi orientado a tomar uma nova vacina de prevenção à meningite pela equipe de saúde da Unidade Básica de Saúde (UBS). "Eu aproveitei para verificar se a carteirinha do Fernando estava em ordem e a enfermeira me orientou dizendo que havia uma vacina que ele poderia tomar que seria a meningite ACWY. Então os dois já saíram de lá imunizados, não podemos deixar de levar as crianças para tomarem suas vacinas.", completa.

A unidade de saúde ressalta que estas vacinas são disponibilizadas o ano inteiro nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), local o qual as campanhas também foram realizadas.


 


Galeria de Fotos


Notícias relevantes: