Jundiaí

Mudas nativas serão plantadas em áreas rurais do Jundiaí-Mirim

A DAE Jundiaí deu início ao plantio no entorno da represa na Bacia do rio Jundiaí Mirim


DIVULGAÇÃO
Os plantios ocorrem em propriedades na região do Caxambu e Mato Dentro
Crédito: DIVULGAÇÃO

A DAE Jundiaí deu início ao plantio de 12 mil mudas nativas no entorno da represa e em propriedades rurais que integram a Bacia do rio Jundiaí Mirim, principal manancial de abastecimento do município.

O objetivo é restaurar áreas que foram degradadas em função de obras para ampliação dos sistemas de redes de água e esgoto na cidade.

Plantios ocorrerão em propriedades na região do Caxambu e Mato Dentro, além de uma área localizada entre as represas de Acumulação e Captação.

Os projetos em propriedades nos bairros Roseira, Ivoturucaia e Caxambu, além da Bacia do rio Capivari, no Mato Dentro, ocorrem por meio do Programa Nascentes Jundiaí, realizado em parceria com a Unidade de Gestão de Agronegócio, Abastecimento e Turismo (UGAAT) da Prefeitura de Jundiaí.

"Serão plantadas 10 mil mudas em oito propriedades rurais inscritas no programa e mais duas mil mudas em um projeto de enriquecimento florestal, em uma área localizada entre as represas de Acumulação e Captação. Esta ação busca ligar fragmentos florestais já presentes na área", detalha o diretor de Mananciais da DAE, Martim Ribeiro.

O Programa Nascentes é focado na conservação e recuperação de mananciais no município e visa incrementar os serviços ambientais relacionados, principalmente, à qualidade e disponibilidade da água. Por meio da união de empresas, poder público e proprietários rurais, tem por objetivo reflorestar as Áreas de Preservação Permanente (APP), que protegem os rios, córregos e nascentes.

"Estes plantios são relativos ao pagamento de passivos ambientais, ou seja, compensações ambientais geradas por obras que visam à universalização do sistema sanitário no município", complementa.

(Da Redação)

 


Notícias relevantes: