Jundiaí

Após conversas com setores, Jundiaí mantém ponto facultativo no Carnaval, enquanto Várzea Paulista suspende

Medida vem ao encontro das necessidades de se manter a segurança sanitária da população e apoiar o comércio


PAULOAZEZINHO/PMJ
Jundiaí mantém calendário com ponto facultativo para o Carnaval
Crédito: PAULOAZEZINHO/PMJ

Ao longo das últimas semanas, a Prefeitura de Jundiaí tem estabelecido conversas com os setores da sociedade com foco no período definido como Carnaval. Com o avanço da cidade para a fase Amarela do Plano São Paulo de Retomada Econômica, declarado nesta sexta-feira (05), Jundiaí mantém o ponto facultativo para a terça-feira (16), contudo, as festividades relativas ao período continuam canceladas.

“O calendário definido no ano passado, em Decreto 29.377, de 14 de outubro de 2020, está mantido, ou seja, ponto facultativo mantido na terça-feira (16), com emenda na segunda-feira (15), retornando na quarta-feira (17). Em entendimento feito com vários setores a decisão foi por manter o calendário estabelecido, inclusive com os cancelamentos de qualquer festividade. É um período para que as pessoas não se aglomerem”, comenta o gestor da Unidade de Gestão da Casa Civil (UGCC), Gustavo Leopoldo Caserta Maryssael de Campos.

A região de Saúde de Campinas, à qual Jundiaí está inserida, avançou de fase, por apresentar melhoria nos índices da pandemia. No entanto, o momento exige a manutenção dos cuidados preventivos para que a melhoria nos índices permaneça. “A colaboração de todos com a adoção das medidas sanitárias, evitar aglomerações, higienização das mãos e manter os ambientes arejados são essenciais para evitar a contaminação pelo Novo Coronavírus”, comenta.

 

VÁRZEA PAULISTA

Várzea Paulista é a única cidade da região a suspender os pontos facultativos que aconteceriam entre os dias 15 e 17 de fevereiro, referentes ao Carnaval em 2021.

Essa medida foi tomada para preservar as medidas de segurança sanitária, evitando aglomerações, e também para preservar o comércio da cidade. “Com o feriadão, muitas pessoas viajariam e os comerciantes ainda teriam que fechar seus estabelecimentos, prejudicando ainda mais o setor da economia que já vem sofrendo muito ao longo desse último ano”, declarou o prefeito Professor Rodolfo. “O carnaval é uma festa popular muito importante, mas nossa realidade hoje não nos permite transformar essa alegria em algo de que podemos nos arrepender no futuro. Acredito que tomamos a medida correta”, completou.

O Governo Estadual revogou os mesmos pontos facultativos em 29 de janeiro, para evitar aglomerações e viagens no período, uma vez que ainda há alta de casos de Covid-19 no país. O Estado também recomendou às Prefeituras a mesma medida. De acordo com a orientação estadual, a Prefeitura de Várzea Paulista fez o mesmo e todas as repartições públicas municipais funcionarão normalmente nessas datas.


Notícias relevantes: