Jundiaí

Em três dias, Jundiaí vacina 1,4 mil profissionais da Saúde

O próximo grupo a ter a vacinação iniciada será de idosos com 90 anos ou mais, no sistema ‘drive thru’ no Parque da Uva e em residência para os acamados da categoria


Prefeitura de Jundiaí
Enfermeira Maria Manoela vacinada
Crédito: Prefeitura de Jundiaí

Entre quinta-feira (04) até hoje sábado (4), a Prefeitura de Jundiaí vacinou 1,4 mil profissionais da Saúde entre autônomos como médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, odontólogos e auxiliares de odontologia além daqueles que atuam em laboratórios de análises clínicas, radiológica, de imagem e hemodilálise contra a COVID-19. O próximo grupo a ter a vacinação iniciada será de idosos com 90 anos ou mais, no sistema ‘drive thru’ no Parque da Uva e em residência para os acamados da categoria. Neste sábado a fila começou às 4 horas da manhã.

“O sentimento de hoje é gratidão. Gratidão por ter recebido a dose e por todos os profissionais da Saúde que atuam em Jundiaí. Eu passei pela doença, perdi três pessoas da família e acompanhei o sofrimento de outros que passaram dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) por causa da COVID-19, sei o que representa essa vacina e todo o trabalho que esses profissionais realizam. Estou feliz, grata e orgulhosa”, comentou com lágrimas nos olhos a fisioterapeuta Ana Carolina Coelho Grellet, que tomou a primeira dose da vacina Coronavac na manha de sábado (6), no posto montado na Nova UBS Jardim do Lago.

A enfermeira obstetra autônoma, Maria Manoela Duarte Rodrigues também recebeu a dose no mesmo posto. “Foi muito rápido e organizado. A vacina representa a retomada. Mas as pessoas precisam continuar a se cuidar, pois estamos apenas no começo da vacinação. Precisamos ter empatia para com os próximos”, explicou.

Ao todo, entre os dois postos montados para a imunização aos profissionais de saúde – Paróquia Santo Antonio (Anhangabaú) e Nova UBS Jardim do Lago – foram aplicadas 1,4 mil doses de vacinas Coronavac. Até o último balanço divulgado no painel de Monitoramento Coronavírus do portal da Prefeitura de Jundiaí, até sexta-feira (5), 9.047 doses haviam sido aplicadas na cidade.

O quantitativo de doses recebidas por Jundiaí (13.920 doses) não supre todas as categorias de profissionais de Saúde, que terão a continuidade da oferta nos próximos dias, conforme a chegada de mais grades – liberadas pelo Ministério da Saúde e Governo do Estado – para encerrar as categorias anteriores e ampliar para mais grupos dos grupos prioritários.

Próxima semana
“A partir de segunda-feira (8) iniciaremos a vacinação dos idosos com 90 anos ou mais. De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Jundiaí conta com cerca de 2,2 mil moradores nesta faixa etária e essa foi a quantidade de doses encaminhadas pela Secretaria de Estado para a imunização do grupo, nesta etapa. É importante ressaltar que todos serão vacinados, mesmo se por algum motivo, não conseguirem comparecer ao drive thru ou não agendarem o atendimento pela Central de Agendamento de Consultas (CAC) para os acamados”, comenta o gestor da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS) Tiago Texera.

A vacinação dos idosos com 90 anos ou mais, pelo sistema ‘drive-thru’, terá início a partir das 18 horas, no Parque da Uva e prossegue até quarta-feira (10). A escala de imunização atenderá ao critério de mês de nascimento: janeiro a abril, na segunda-feira; maio a agosto, na terça-feira e de setembro a dezembro, na quarta-feira. Em caso de não comparecimento na data ou finalização das doses disponíveis, será agendada e divulgada nova data para o público citado, com a garantia de imunização de todos os integrantes do grupo específico. Os idosos devem apresentar CPF, comprovante de residência e documento com foto.

Os idosos acamados com 90 anos ou mais devem agendar o atendimento com Central de Agendamento de Consultas (CAC), pelo telefone 4531-8670. Para a recepção da vacina é indicado que se faça o cadastro no site VacinaJá, do Governo do Estado de São Paulo, para facilitar a digitação dos dados do vacinado.

A vacinação segue os grupos e as datas determinadas pelo Plano Nacional de Imunização (PNI), do Ministério da Saúde (MS).


Notícias relevantes: