Jundiaí

Bazar ajuda na arrecadação de verbas

Casa Santa Marta precisa adiar bazar solidário que aconteceria no próximo sábado (6)


DIVULGAÇÃO
A voluntária Marisa Oliveira já se prepara para receber o público
Crédito: DIVULGAÇÃO

A Casa Santa Marta, entidade sem fins lucrativos que atende gratuitamente pessoas em situação de rua ou vulnerabilidade social, precisou adiar um bazar solidário que aconteceria no sábado (6), conforme retomada da fase vermelha em todo o estado de SP.

Assim que a nova data for estabelecida, os visitantes encontrarão peças de roupas, calçados, utensílios de cozinha e livros, com valor limite estabelecido entre R$ 1 e R$ 10.

Segundo uma das voluntárias do bazar, Marisa Oliveira, de 38 anos, a pandemia tem dificultado a manutenção da entidade e por isso as doações são necessárias. "As doações diminuíram bastante e agora temos que nos virar. O bazar foi montado justamente para arrecadar esse dinheiro, que será revertido para a Casa e os seus serviços", completa Marisa.

A entidade oferece auxílio para banhos e higiene pessoal, refeições e atendimento psicológico. "Para acolher essas pessoas pouco inseridas na sociedade, oferecemos auxílio para higiene, três refeições por dia e atendimento psicológico. Nós também temos uma horta nos fundos da instituição, e as pessoas que ajudamos fazem o plantio e cultivam os alimentos, porque isso serve como uma forma de terapia", explica.

Quando questionada sobre as possíveis aglomerações, a funcionária explica. "Nós estudaremos a melhor data para realizar o bazar, assim que a fase vermelha terminar. Teremos uma pessoa acompanhando e fazendo o controle de entrada das pessoas. Também será controlado o tempo de permanência no bazar, para que todos consigam fazer suas compras sem nenhum problema", encerra.

SERVIÇO

O evento aconteceria no próximo sábado (6), na rua Petronilha Antunes, 507, Centro, mas houve uma mudança de planos após o pronunciamento do Governador João Doria, que decreta fase vermelha em todo o estado a partir deste sábado. Apesar do adiamento, os interessados em realizar doações para aumentar a quantidade de itens disponíveis para o bazar que será realizado em breve, devem entrar em contato pelo telefone (11) 4586-8351. A instituição também está disponível nas redes sociais, como no Instagram @instituicaosantamarta.

(Giovana Viveiros)

 

A Casa Santa Marta, entidade sem fins lucrativos que atende gratuitamente pessoas em situação de rua ou vulnerabilidade social, precisou adiar um bazar solidário que aconteceria no sábado (6), conforme retomada da fase vermelha em todo o estado de SP.


Notícias relevantes: