Jundiaí

Comerciante preso por pornografia infantil não é dono de imobiliária


No último dia 24 de fevereiro, o JJ publicou uma matéria com o título “Comerciante é preso por pornografia infantil em Jundiaí”, na qual relata a prisão em flagrante de um homem, por armazenar fotos de crianças, relacionadas ao crime de pedofilia. A matéria relatava se tratar do dono de uma imobiliária na cidade de Jundiaí.

Ao tomar conhecimento da ocorrência, o CRECISP encaminhou uma equipe de analistas de conformidade à Delegacia em que o crime foi registrado, a fim de verificar e identificar o pretenso corretor.

Segundo as informações obtidas, ficou comprovado que o infrator não é inscrito como corretor de imóveis no CRECISP e nem tampouco proprietário de uma imobiliária, como ele mesmo afirma. Seu trabalho é meramente administrativo, não tendo relação com a intermediação de imóveis. Não se trata, portanto, de um comerciante ou dono de imobiliária, conforme a matéria registrou.

Assim sendo, e em respeito à classe de profissionais regularmente inscritos no CRECISP, esclarecemos o ocorrido. 


Notícias relevantes: