Jundiaí

Crianças sofrem com infecções

Infecção urinária ocorre em todas as idades, mas crianças não entendem os sintomas


ARQUIVO PESSOAL
O diagnótico pode ser mais difícil porque as crianças não entendem os sintomas
Crédito: ARQUIVO PESSOAL

A infecção urinária, também chamada de infecção do trato urinário (ITU), pode ocorrer em todas as idades. Os adultos já conhecem alguns sintomas, como dificuldade ou ardor ao urinar, odores fortes na urina e incontinência.

Segundo o pediatra do Hospital Universitário (HU), Cristiano Guedes, o diagnótico em crianças pode ser mais difícil, já que as mais novas não conseguem entender os sintomas e ainda necessitam da ajuda ou dependem totalmente dos adultos para manter uma higienização correta.

"Sempre que surgir a suspeita, sinais ou sintomas, lembrando que nos menores são mais inespecíficos, deve-se procurar um serviço pediátrico. A higiene adequada, hidratação, diurese regular, sem segura a urina, evacuações regulares, entre outras são algumas das características da doença", explica.

As crianças estão mais expostas a doença. "A infecção urinária é uma doença que atinge os órgãos do trato urinário, como uretra, rins, ureteres e bexiga. Eles são responsáveis pela filtragem e eliminação da urina, que pode conter substâncias nocivas ao corpo humano. Quando uma bactéria invade esse sistema, ocorre a infecção", relata.

De acordo com o pediatra, deve-se solicitar um exame de urina para atestar a presença da bactéria e para identificar o tipo de microrganismo presente. Em alguns casos, o profissional pode solicitar uma punção suprapúbica, que é a coleta feita com uma agulha e com o uso de anestesia local.

O tratamento dura, em média, de 5 a 7 dias e a medicação não deve ser interrompida antes do indicado.

(Da Redação)

 


Notícias relevantes: