Jundiaí

Louveira amplia leitos de UTI e cria Hospital de Campanha

REDE DE SAÚDE Louveira investiu na criação de leitos hospitalares, com apoio de um Hospital de Campanha para atender pacientes com coronavírus


DIVULGAÇÃ0
LOUVEIRA/SANTA CASA
Crédito: DIVULGAÇÃ0

A Prefeitura de Louveira ampliou a capacidade de atendimento de casos de covid-19 entre os meses de janeiro e março de 2021. Foram criados cinco novos leitos de UTI na Santa Casa, além de um Hospital de Campanha com 12 leitos para os casos menos graves da doença.

Com isso, foi possível separar um atendimento de melhor qualidade. Além disso, a prefeitura tem investido na conscientização da população. Conteúdo noticioso de peso tem sido divulgado nas redes sociais e agentes da Guarda Municipal e da Vigilância Sanitária estão nas ruas para visitar estabelecimentos comerciais com objetivo de fiscalizar e orientar sobre o que pode funcionar nesse período mais crítico da doença.

O Hospital de Campanha montado pela Prefeitura de Louveira e a Santa Casa no CRL (Centro de Reabilitação de Louveira) começou a funcionar no dia 15 de fevereiro para atendimento de casos mais leves de covid-19.

A estrutura tem 12 leitos e uma equipe treinada e capacitada para esse tipo de atendimento.

Segundo o secretário de Saúde de Louveira, Eduardo Menezes, dois desses leitos são destinados para observação, em casos que não exigem internação. Mas eles podem ser utilizados com essa finalidade se houver aumento da demanda.

Além disso, a localização do Hospital de Campanha é estratégica. Ao lado de Santa Casa, ele permite transferência imediata de pacientes que tenham casos agravados ou que precisem de atendimento mais complexo, como nos casos de UTI.

Louveira possui hoje cinco leitos para atendimento de UTI geral e outros cinco leitos cadastrados recentemente como leitos exclusivos para suporte ao paciente de covid-19 grave, totalizando 10 leitos capazes de garantir suporte avançado de vida. Numa necessidade maior, os dez leitos poderão ser utilizados para garantir assistência aos casos graves de coronavírus.

A abertura do hospital acontece em meio a uma segunda onda que preocupa as autoridades de saúde e fez aumentar novamente o número de casos da doença. O Hospital fica na avenida Arhur de Souza Sygel, 400, no Jardim Vera Cruz.

Conscientização
e fiscalização

Equipes da Guarda Municipal e da Vigilância Sanitária vão às ruas de manhã, à tarde e à noite, em dias úteis, feriados e finais de semana, para orientar população, comerciantes e líderes religiosos de diferentes denominações sobre as regras de funcionamento dos estabelecimentos na Fase Vermelha.

No caso de reincidência, os comerciantes podem ser autuados por descumprimento das regras da Fase Vermelha.

De acordo com a Secretaria de Saúde, a Vigilância tem como principal objetivo orientar os comerciantes e líderes religiosos com o intuito de garantir maior segurança para funcionários e clientes. Em caso de descumprimento dos protocolos, o estabelecimento será notificado e orientado. Porém, caso haja reincidência, os locais serão autuados e multados em valores podem ir de R$ 290 a R$ 29 mil (de 10 a mil Ufesps).

A Guarda Municipal também intensificou as rondas na cidade para coibir aglomerações.

A população também pode colaborar com o trabalho de fiscalização denunciando possíveis descumprimentos dos protocolos pelos seguintes canais:

Vigilância Sanitária: (19) 3878-2323 (horário comercial)

Guarda Municipal: 153

Ouvidoria:

• E-mail: [email protected]

• Telefone: 0800-77-222-45
(horário comercial)

• Telefone: 3878-9700
(horário comercial)

• WhatsAPP: (19) 99899-1140 (horário comercial)

• Formulário Eletrônico:
https://louveira.sp.gov.br/contato

• Aplicativo: Cartão Cidadão (Android) (iOS)

Orientações

A equipe da Secretaria de Saúde orienta os moradores para que nos próximos dias não realizem festas ou promovam aglomerações. Todos os eventos públicos estão suspensos.

Com a nova onda da doença é importante que todos redobrem os cuidados com as medidas de segurança e higiene. O uso de máscara é essencial, assim como manter o distanciamento e lavar as mãos com frequência.


Galeria de Fotos


Notícias relevantes: