Jundiaí

Instalação de novos pontos de iluminação cresce 53% em 2020 na comparação com ano anterior

Ao todo, foram implantados 260 pontos nesse período contra 169 no ano anterior e no primeiro trimestre de 2021, já são 50 pontos novos implantados


Divulgação
Cidade iluminada
Crédito: Divulgação

A instalação de novos pontos de iluminação em Jundiaí aumentou 53% em 2020 na comparação com 2019. Ao todo, foram implantados 260 pontos nesse período contra 169 no ano anterior, segundo dados da Unidade de Gestão de Infraestrutura e Serviços Públicos (UGISP). E no primeiro trimestre de 2021, já são 50 pontos novos implantados, com previsão de mais 22 só neste mês de abril, em espaços públicos como ruas, praças, áreas de convivência e vielas. Os pontos contam com postes e luminárias.

“Uma cidade mais iluminada é uma cidade mais segura”, observa o prefeito de Jundiaí, Luiz Fernando Machado. “Além disso, essa iluminação traz mais valorização para espaços públicos e áreas que revitalizamos. É o caso do Espelho D’Água, no Mato Dentro, e do Vale Azul, no Caxambu.” Jundiaí possui aproximadamente 48 mil pontos de iluminação pública.

O número de lâmpadas trocadas na cidade, como explica a diretora de Iluminação Pública, Daiane Lima, também tem aumentado ano a ano. Em 2019 foram 10.640 lâmpadas trocadas e em 2020, 12.585 – crescimento de 18%. “É muito importante que as pessoas nos avisem pelo 156 quando há uma lâmpada queimada, para que possamos providenciar a troca”, diz a diretora. “De acordo com o contrato que mantemos com a empresa terceirizada que faz esse trabalho, a troca tem que ocorrer em no máximo 48 horas.”

Segundo Daiane, uma luminária dura em média 20 anos; já a lâmpada, um ano e meio. “Novos pontos de iluminação estão chegando aos mais diferentes bairros de Jundiaí, como Novo Horizonte, Medeiros, Ivoturucaia, Engordadouro, entre outros”, afirma a diretora.

 

Cidade inteligente


Uma das metas da atual Administração Municipal é implantar serviços no conceito de “smart city”, tornando a cidade mais inteligente e conectada. “Essas inovações trarão serviços mais inteligentes e rápidos para as pessoas”, declara o gestor de Governo e Finanças, José Antonio Parimoschi.

Jundiaí conta com 400 quilômetros de rede de infovia, que conecta os equipamentos e serviços públicos com internet de alta velocidade. Essa infraestrutura está sendo utilizada para a implantação dos serviços no conceito de cidade inteligente. “Em breve, publicaremos um edital de licitação, nos moldes de uma parceria público-privada (PPP), para substituir todo o parque de iluminação da cidade por lâmpadas de Led, com sistema de telegestão, com vida útil maior e mais econômicas no consumo. Isso impacta não só no urbanismo, mas, também, na sensação de segurança dos moradores, pois teremos uma cidade mais iluminada”, observa Parimoschi.

Em 2019, Jundiaí foi reconhecida como uma das dez cidades mais inteligentes e conectadas do Brasil, segundo estudo da consultoria Urban System. Trata-se de um reconhecimento aos investimentos realizados pelo município em novas tecnologias capazes de qualificar mais os serviços públicos oferecidos.


Notícias relevantes: