Jundiaí

Profissionais de Saúde podem buscar pela vacinação contra gripe em UBSs

A partir do dia 29 de abril, quinta-feira, a Prefeitura de Jundiaí desencadeia ações para a mobilização dos profissionais de Saúde para a vacinação contra a Influenza – gripe


Divulgação
Vacinação contra gripe
Crédito: Divulgação

A partir do dia 29 de abril, quinta-feira, a Prefeitura de Jundiaí desencadeia ações para a mobilização dos profissionais de Saúde para a vacinação contra a Influenza – gripe. Escalonados em categorias, entre os dias 29 de abril a 4 de maio, serão atendidos aqueles com registro em Conselho de Classe. Já entre os dias 5 a 8 de maio, os equipamentos farão a vacinação das equipes de apoio do setor. A aplicação será realizada nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) que não estão atuando como Unidade Sentinelas ou que estão em reformas ou com atendimento unificado.

De acordo com a enfermeira da Vigilância Epidemiológica (VE) Maria do Carmo Possidente, a organização feita por categorias entre os profissionais tem o objetivo de facilitar o atendimento e reduzir o fluxo nos serviços. “Realizamos abertura de dois equipamentos no sábado passado, exclusivamente para os profissionais da Saúde. Mas há a necessidade de intensificar a participação. Para tanto, a dose contra a influenza será oferecida em UBSs, durante o período de atendimento de cada serviço, de segunda a sexta-feira. Basta o profissional se atentar ao período adequado para buscar pela dose”, destaca.

As aplicações podem ser feitas em todas as UBSs de Jundiaí exceto: US Jardim do Lago (Avenida Leonita Faber Ladeira, 1358), Clínica da Família Novo Horizonte (Avenida Presbítero Manoel Antônio Dias Filho, 1540), UBS Retiro (Rua Maria Lúcia de Almeida, 100 – retomará atendimento dia 3 de maio) e UBS Marlene/Hortolândia (Rua Balbina Miguel Casoni, 275).

Nas UBSs Agapeama e Tamoio, a vacinação acontece das 8h às 11h30 e das 13h às 20h30, de segunda a sexta-feira. Já nas demais UBSs com funcionamento das 8h às 17h, o atendimento é das 8h às 11h30 e das 13h às 16h30.

Entre os dias 29 de abril a 4 de maio, serão atendidos médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, biólogos, biomédicos, farmacêuticos, odontologistas, fonoaudiólogos, psicólogos, assistentes sociais, profissionais de educação física, médicos veterinários e seus respectivos técnicos e auxiliares, com a apresentação de documento pessoal com foto, Cartão de Saúde Nacional e o registro do Conselho de Classe.

Já entre os dias 5 a 8 de maio, os demais trabalhadores nos equipamentos de saúde (recepcionistas, seguranças, pessoal da limpeza, cozinheiros e auxiliares, motoristas de ambulâncias, cuidadores de idosos, entre outros) devem procurar pela dose. Para receber a aplicação, basta apresentar o documento com foto, Cartão Nacional de Saúde e comprovação de vínculo de trabalho.

Os demais públicos que estão autorizados a receber a aplicação são gestantes, puérperas e crianças entre seis meses e menores de seis anos, e são atendidas nos mesmos endereços e horários.


Notícias relevantes: