Jundiaí

Estimular o uso racional de medicamentos é tema de Dia Nacional de conscientização nesta quinta-feira (5)

Desde 1999, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) dedica o dia 5 de maio para o tema uso racional de medicamentos


Divulgação
A automedicação e o abandono de tratamento são danosos à saúde
Crédito: Divulgação

Desde 1999, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) dedica o dia 5 de maio para o tema uso racional de medicamentos. A Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS), da Prefeitura de Jundiaí, mantém trabalho de conscientização para o uso adequado de medicamentos, bem como para evitar a automedicação, que traz riscos à Saúde.

Segundo a coordenadora da Assistência Farmacêutica da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde de Jundiaí (UGPS), Ana Rodrigues, as orientações de uso racional de medicamentos devem ser claras sobre a prescrição e a administração de remédios, que devem seguir as necessidades clínicas de cada paciente. “As orientações devem ser dadas por profissionais de Saúde habilitados como médicos, enfermeiros e dentistas. A automedicação e o abandono de tratamento causam impacto na vida de toda a sociedade, pois, se não seguido corretamente, além de causar dano ao tratamento do indivíduo, pode contribuir para geração de bactérias mais resistentes aos fármacos existentes”, comenta a farmacêutica.

Ainda de acordo com Rodrigues, a indústria farmacêutica e órgãos governamentais também combatem o uso irracional de remédios. A primeira, através de estudos e monitoramento dos fármacos, a farmacovigilância, cujo objetivo é monitorar possíveis reações adversas, interações medicamentosas e efeitos colaterais. Já a segunda, através de monitoramentos acerca de reações adversas, toxicidade dos fármacos e formas de uso seguro.

 


Notícias relevantes: