Jundiaí

Nova ponte sobre o rio Guapeva será liberada neste domingo (16)


Divulgação
O objetivo é melhorar a circulação e proporcionar fluidez no trânsito
Crédito: Divulgação

A partir de domingo (16), a Prefeitura de Jundiaí, por meio da Plataforma de Desenvolvimento Sustentável, faz a liberação da nova ponte sobre o Rio Guapeva, cruzando a avenida Odil Campos Sáes. O objetivo é melhorar as condições de trânsito no bairro Vianelo. Com a abertura, cria-se um sentido único de circulação na rua José Gaspari Sobrinho, em toda sua extensão, da rua João Luiz de Campos à rua Bom Jesus de Pirapora.

A mudança institui também um sistema binário entre as ruas José Gaspari Sobrinho (sentido Bom Jesus de Pirapora) e Silva Jardim (sentido Vila Arens), melhorando a circulação e proporcionando fluidez e segurança no sistema viário. Atuaram no projeto, na obra e na sinalização da área as unidades de gestão de Infraestrutura e Serviços Públicos, de Planejamento Urbano e Meio Ambiente e de Mobilidade e Transporte.

Segundo o gestor de Mobilidade e Transporte, Aloysio Queiroz, a abertura da ponte deve melhorar o trânsito na altura da rotatória entre a Odil Campos Sáes e a rua das Pitangueiras. “Ao distribuirmos o trânsito e darmos mais uma opção para o motorista, conseguimos desafogar outra via muito utilizada”, explica Aloysio. “O motorista que antes acessava a rua das Pitangueiras para seguir sentido a rua Bom Jesus de Pirapora, agora poderá seguir diretamente pela rua José Gaspari Sobrinho”.  Os motoristas deverão ficar atentos à nova sinalização e semáforos implantados no local.

“Essa é uma obra importante, em uma região de grande movimento em nossa cidade e, por isso, impactará muitas pessoas, não só os moradores do Vianelo”, declara o gestor de Infraestrutura e Serviços Públicos, Adilson Rosa.

Segundo o comerciante Frederico Romano Duarte, proprietário de uma loja nas proximidades, a obra é muito aguardada. “Acredito que vai ser bom, vai dar mais visibilidade à região e vai ajudar a desafogar o trânsito”, diz ele. “E vai ser bom também para o pedestre, para a pessoa que se desloca para o comércio local”.


Notícias relevantes: