Jundiaí

Família pede ajuda para trazer os pais após acidente em Rondônia

Jundiaiense conta com ajuda para arcar com custos do tratamento e retornar a cidade


ARQUIVO PESSOAL
Sem renda, o casal José e Cleuza Alves depende de ajuda financeira
Crédito: ARQUIVO PESSOAL

Após sofrer acidente grave no município de Governador Jorge Teixeira, em Rondônia, o jundiaiense José Aparecido Alves da Silva, de 53 anos, conta com ajuda de vaquinha solidária para arcar com custos do tratamento e retornar a Jundiaí. A meta é conseguir R$ 40 mil.

De acordo com um dos filhos, Willian Quintal Alves da Silva, de 31 anos, o acidente ocorreu no dia 12 de janeiro durante o expediente de trabalho. Enquanto Silva reformava o telhado do curral de uma fazenda, ele se desequilibrou e caiu de uma altura de 4 metros, batendo com a cabeça no chão.

"Devido ao impacto, meu pai teve um traumatismo craniano denominado 'lesão axonal difusa', no qual permaneceu em coma por 33 dias e agora está em processo de reabilitação, estando totalmente dependente da família", diz o filho.

O irmão mais novo de Willian, Bruno Silva, deixou o trabalho em Jundiaí para ajudar sua mãe Cleuza, de 57 anos, e seu pai, que moram em Rondônia desde outubro de 2020.

BUROCRACIA

Ainda em recuperação, José Aparecido ainda precisa recorrer judicialmente aos direitos trabalhistas relacionados ao acidente. Segundo Willian, o pai precisa passar por perícia do INSS para conseguir o benefício, entretanto com a pandemia o processo está lento. "Em relação ao benefício ainda não temos verba nenhuma. Tudo está sendo bancado por nós da família" afirmou o filho.

A iniciativa da arrecadação surgiu para ajudar a família a arcar com os gastos de José Aparecido em Rondônia até que a perícia seja concluída e, também, para dar continuidade aos tratamentos em Jundiaí.

O dinheiro deve ajudar arcar com os custos com fisioterapia, fonologia, remédios e transporte.

Para fazer sua colaboração e mais informações sobre a vaquinha, acesse o link: https://vaka.me/2065064 


Galeria de Fotos


Notícias relevantes: