Jundiaí

Senai qualifica jovens para o mercado de trabalho


ARQUIVO PESSOAL
Fábio Carrion diz que os jovens se apresentam com muita garra
Crédito: ARQUIVO PESSOAL

Colocar em prática o que se aprende durante a formação escolar garante ao jovem estudante segurança quando entra no mercado formal. E este tem sido o objetivo do Senai ao proporcionar formação acadêmica de qualidade para os adolescentes.

Segundo o diretor do Senai de Jundiaí e Itatiba e dos Núcleos de Tecnologia da Metalmecânica e Movelaria, Fábio Carrion, os jovens chegam com muita garra e vontade de fazer a diferença.

"Eu ressalto a importância de as empresas continuarem patrocinando os aprendizes, pois elas representam, efetivamente, a parte indissociável do processo de formação profissional. O Senai, por exemplo, conta com 22 áreas tecnológicas que atendem, certamente, a todos os alunos em suas preferências ou vocações", afirma.

Com efetivação acontecendo na maioria das empresas com visão e compromisso com esse processo, patrocinar um aprendiz é investir em um profissional. "O jovem tem a expectativa de ser contratado desde o início do curso como aprendiz patrocinado e todos que passam por aqui sabem como se apresentar, se portar e o que fazer nas empresas".

Só este ano estão previstas a realização de 11 mil matrículas nas Unidades de Jundiaí e Itatiba, distribuídas em cursos de aprendizagem, técnicos e de formação continuada.

"O salário pago aos aprendizes ajuda em muito na possibilidade de investir em outros cursos complementares, além de poder contribuir no sustento da casa. Eu mesmo sou um exemplo disso", comenta.

(Simone de Oliveira)


Notícias relevantes: