Jundiaí

Jundiaí cria comitê científico dedicado a estudos da covid-19


Divulgação
Prefeito Luiz Fernando Machado ressalta a importância da criação do comitê na cidade
Crédito: Divulgação

Fomentar a pesquisa científica em âmbito municipal, colaborar com estudos de maneira interinstitucional e incentivar iniciativas que tenham como objetivo mitigar a pandemia do coronavírus são as bases para constituição do Comitê Científico de Jundiaí para Estudos da covid-19, instituído por decreto 30.002, de 18 de maio de 2021. Com a participação de especialistas reconhecidos internacionalmente, a cidade se firma como uma geradora de conhecimento baseado na ciência.

“Jundiaí tem forte base em pesquisa em Saúde com a presença da Faculdade de Medicina de Jundiaí (FMJ). A criação do Comitê é mais uma ferramenta para que possamos avançar, de maneira conjunta, contra a pandemia e até outras patologias, sempre calcados em pesquisa e ciência, pilares de cidades focadas no desenvolvimento e pautadas na melhoria da qualidade de vida da população”, comenta o prefeito Luiz Fernando Machado.

Os membros são figuras envolvidas ativamente na ciência, sendo a composição formada pelos investigadores Dr Raphael Cruz Seabra Prudente, pesquisador clínico, Dr Jorge Elias Kalil Filho, imunologista, Dr Edison Luiz Durigion, virologista, Dr Paulo Andrade Lotufo, epidemiologista, Dr Roberto Focaccia, infectologista, Dr Ícaro Boszczowski, infectologista, Dr Álvaro Avezum Júnior, cardiologista, Dr Gustavo Bernardes de Figueiredi Oliveira, cardiologista, e Dr Emmanuel Dias-Neto, geneticista. Além destes também são membros os gestores Tiago Texera, gestor da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS), Dayane Aparecida Pereira Martins, gestora-adjunta da UGPS, Gustavo Leopoldo Caserta Maryssael de Campos, gestor da Unidade da Casa Civil, José Antonio Parimoschi, gestor da Unidade de Governo e Finanças, Dr Evaldo Marchi, diretor da FMJ, além do próprio Prefeito Luiz Fernando Machado, encarregado de presidir o Comitê.

De acordo com o pesquisador da PMJ, Raphael Cruz Seabra Prudente, a iniciativa garante avanço da ciência de qualidade em nível populacional. “Jundiaí é uma das cidades mais desenvolvidas do país e conta com políticas, da atual gestão, que estimulam o desenvolvimento, da ciência através de pesquisas sólidas e inovadoras. Já temos uma pesquisa em andamento na cidade, construída em uma parceria inédita com Hospital Alemão Oswaldo Cruz. Com o comitê será possível ampliar os campos de estudo, com novos horizontes e perspectivas, não somente municipais, mas de forma ampla, difundindo conhecimento para o melhor enfrentamento à pandemia, e até mesmo demais patologias, com foco na mitigação do impacto deletério das doenças na população”, detalha.

Além da pesquisa em andamento, realizada em parceria com instituições nacionais e coordenada pelo Hospital Alemão Oswaldo Cruz, Jundiaí busca avançar com mais iniciativas no combate à pandemia. Para tanto, os integrantes do comitê promoverão reuniões quinzenais ou em caráter excepcional, conforme a necessidade.


Notícias relevantes: