Jundiaí

Operação Estiagem: Defesa Civil faz alerta para cuidados com a saúde


Divulgação
Além dos Boletins Meteorológicos, a Defesa Civil divulga também comunicados especiais como alertas e cuidados com a saúde e meio ambiente.
Crédito: Divulgação

Além da divulgação dos Boletins Meteorológicos detalhados, com as informações sobre temperatura, umidade e vento no Município, a Defesa Civil divulga também comunicados especiais como alertas para que a população tome os cuidados necessários com a saúde e com o meio ambiente. Essa divulgação é mais uma definição do Plano Municipal de Contingência de Estiagem, instituído pelo decreto municipal nº 29.635/2021 e que tem vigência até 30 de setembro.

Na tarde desta terça-feira (25), Jundiaí entrou em nível de Atenção, por conta da baixa Umidade Relativa do Ar (URA), sob os 30%. Com a queda da temperatura no final da tarde, as condições da URA melhoraram e o Município saiu daquele nível, voltando para Observação, mas este deve ser o comportamento nos próximos dias.

O coordenador da Defesa Civil, o coronel João Osório Gimenez Germano, faz um apelo à preservação da saúde. “O principal alerta é para que fiquemos atentos às crianças e idosos, que são geralmente os que levam mais tempo para se aperceber das condições climáticas. Irritações nos olhos e coceiras no nariz são os principais sinais, e exigem cuidado e cautela”.

Entre os efeitos da baixa URA para a saúde estão também complicações alérgicas e respiratórias e dor de cabeça, e para o meio ambiente condições para eletricidade estática (excesso de cargas elétricas) em pessoas e equipamentos eletrônicos, e aumento do potencial de incêndios em pastagens e florestas.

Nessas condições, devem ser evitados exercícios físicos nos horários de maior insolação (das 11h às 16h), aglomerações, permanências em locais fechados e queimadas em geral. São recomendados ainda: umidificar ambientes, proteção do sol, consumir água, manter as mãos lavadas e longe do nariz e olhos, aplicar soro fisiológico no nariz e olhos, manter a casa limpa e arejada.

Sob a coordenação da Defesa Civil do Município, o Plano Municipal é constituído para apoiar, quando necessário, as ações do Corpo de Bombeiros e da Divisão Florestal da Guarda Municipal. Fazem parte do Plano diversas Unidades de Gestão da Prefeitura, além de órgãos externos, como a DAE, a Fundação Antônio Antonieta Cintra Gordinho, a Mata Ciliar, o Aeroporto Estadual Comandante Rolim Adolfo Amaro e a Rede Integrada de Emergência (RINEM), de que fazem parte as brigadas de emergência de empresas da cidade.


Notícias relevantes: