Jundiaí

Bolo de Santo Antônio mantém fé e tradição em sistema drive-thru

A tradicional trezena tem início nesta terça-feira (1) com a venda de bolos e bênção de pães


ARQUIVO PESSOAL
Maria Bernadete Storani é devota do santo e há 35 anos ajuda na distribuição de pães
Crédito: ARQUIVO PESSOAL

A tradicional trezena da Paróquia Santo Antônio, no bairro do Anhangabaú, tem início nesta terça-feira (1) com a venda de bolos e bênção de pães, além das missas presenciais e transmissões on-line.

A festa do santo casamenteiro acontece há mais de 50 anos, mas este ano os organizadores adotam o sistema de drive-thru para a entrega do tradicional bolo de Santo Antônio.

Conhecido como pregador e protetor dos pobres, sendo relacionado a partilha do pão, um dos ritos tradicionais da igreja católica para lembrar do santo é a benção dos pães durante a trezena. Segundo o padre Genival Antonio Pessotto, pároco da Santo Antônio, no Anhangabaú, as bênçãos são feitas durante a trezena para as pessoas que levarem seu próprio pão.

"Iremos distribuir os pães como uma forma de lembrá-las de repartir com os pobres", afirmou o padre Genival.

A fé e o tradicionalismo reúne devotos ao santo pregador há muitos anos. Maria Bernadete Ladeira Storani, de 75 anos, é devota de Santo Antônio e contribui na distribuição de pão aos pobres na paróquia do padroeiro, no Anhangabaú, há 35 anos. Entretanto, devido a pandemia, a distribuição que ocorria todas as terças-feiras está pausada.

Ela testemunha sua fé afirmando que o santo conhecido como "casamenteiro" é muito mais do que este título. "Ele não é apenas um santo casamenteiro, como dizem, mas um doutor da igreja e protetor dos pobres", afirma Maria Bernadete.

Além disso, dona Bernadete relata que tudo depende da fé de cada um e conta que recentemente, com intercessão do Santo Antônio e muita oração, um familiar se recuperou da covid-19. "Nós acabamos de ter uma graça concedida, um milagre. Meu irmão que estava há três meses e meio internado em estado grave por complicações do coronavírus e foi curado graças a intercessão de Santo Antonio e as orações de toda a comunidade paroquial", disse a devota.

BOLO SANTO

Outra tradição da igreja na festa do santo é a venda do bolo de Santo Antônio que representa a partilha em comunidade. "A tradição da venda do bolo, assim como o pão, é uma forma de lembrar os fiéis sobre a partilha e acolhimento em comunidade, mensagem principal que o santo deixou", diz o padre.

O padre Genival Pessotto convida a todos também a prestigiarem a passagem da relíquia de Santo Antônio nas ruas ao redor da igreja, no dia 13 de junho a partir das 13h30.

SERVIÇOS

As vendas dos bolos de Santo Antônio serão realizadas após as missas da trezena, na secretária paroquial, de terça a sexta-feira das 13h às 17h e aos sábados, das 09h às 12h ou pelo WhatsApp da paróquia (11) 99609-5475.

Assim como no ano passado, a retirada dos bolos irá acontecer nos dias 12 e 13 de junho no estacionamento da paróquia, no estilo drive-thru. A igreja fica na avenida Dr. Pedro Soares de Camargo, nº 724, no bairro do Anhangabaú.

(Geovana Arruda)

 


Galeria de Fotos


Notícias relevantes: