Jundiaí

Operação Noites Frias intensifica atuação das equipes por conta da previsão do tempo


DIVULGAÇÃO
As equipes ofertarão vagas em abrigos, alimentação, higiene e roupas
Crédito: DIVULGAÇÃO

Com a chegada da frente fria e a queda das temperaturas na região a partir do início desta semana, a Unidade de Gestão de Assistência e Desenvolvimento Social (UGADS) irá aumentar a quantidade de equipes em abordagens a pessoas em situação de rua pela Operação Noites Frias.

Quem identificar pessoas nas ruas ao longo da noite, até as 22h, poderá entrar em contato com o Serviço Especializado de Abordagem Social (Seas) pelos telefones (11) 98531-0146 ou 4805-3098. Após este horário, a recomendação é o contato via Guarda Municipal de Jundiaí (GMJ), pelo telefone 153, ou ainda pelo 192 do SAMU em casos se identificada intoxicação ou ocorrências mais graves.

A Operação Noites Frias é acionada todas as noites com previsão de temperatura igual ou inferior a 13°C, quando há risco de morte por hipotermia. As equipes de abordagens de rotina pelas ruas ganham reforço para oferta de vaga em abrigos, alimentação, higiene e roupas, seguindo as diretrizes estabelecidas pelo Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus (Cec) da Prefeitura. Os animais de estimação que acompanham também são acolhidos e recebem oferta de alimento, higiene e pernoite junto ao proprietário.

Já para quem recusa o acolhimento noturno é realizada triagem da pessoa para acompanhamento e são ofertados cobertores, gorros, pares de meias e água.

A gestora da UGADS, Maria Brant, reforça a importância do vínculo do indivíduo com a rede socioassistencial. “Sempre que alguém é abordado pelas equipes à noite ou pelo Centro Pop durante o dia, ele passa a ser referenciado pela rede de serviços e passa a contar com um acompanhamento intersetorial. A inclusão do usuário na rede permite a criação de vínculos com os profissionais, que trabalham para entender as demandas e trabalhar para a construção do plano individual de saída das ruas. Por isso, além da preocupação com o frio, contamos com a contribuição dos Munícipes para que acionem os serviços”.

Já durante o dia, a indicação é que acione os serviços via telefone ou sugira que a pessoa busque o atendimento no Centro Pop, que fica na rua Marechal Deodoro da Fonseca, 504, Centro, que é o equipamento referência da rede socioassistencial. Além de ofertas de alimentação e higiene, o Centro Pop também faz o direcionamento para pernoite em abrigos, oferece atendimento psicossocial para a construção de projeto individual de saída das ruas, auxilia na busca por documentos e oferece ainda o pagamento de passagem para o Município de origem do atendido, já que a maioria dos atendidos não é de Jundiaí. Somente este ano já foram realizados mais de 850 recâmbios.


Notícias relevantes: