Jundiaí

Comerciantes comemoram avanço da moda surf e streetwear

ERA OLÍMPICA A procura pelas lojas de itens de skate no Centro da cidade aumentou consideravelmente após o sucesso da modalidade na Olimpíada de Tóquio


            ALEXANDRE MARTINS
Cerras Barreto já percebeu o aumento na procura por artigos relacionados ao skate
Crédito: ALEXANDRE MARTINS

Com preços variando de R$ 150 a R$ 800 a moda surf e streetwear já ganhou as ruas de Jundiaí e caiu no gosto de jovens e crianças. A Olimpíada é termômetro para a moda e os comerciantes esperam conseguir faturar neste período.

De rodas de skate a peças de roupas, a procura pelas lojas de itens de skate no Centro aumentou e, mesmo sem mensurar o aumento nas vendas comerciantes comemoram a boa fase.

O lojista e funcionário de uma loja de streetwear no Centro, Cerras Barreto, diz que já percebeu o aumento na procura por artigos relacionados ao skate e até pela manutenção do equipamento. "Nesta semana a procura por roupas, tênis, peças e até pelo próprio skate cresceram e eu já fiz vendas significativas. Nossa expectativa é que aumente ainda mais até o final da Olimpíada", afirma Cerras Barreto.

O lojista afirma que a faixa etária de maior procura nos últimos dias foram crianças de oito a 15 anos. "Muitos pais vieram até a loja com os filhos pequenos trazendo skates gastos ou quebrados para fazer a manutenção e troca das peças".

O kit inicial para crianças, que inclui o skate, além dos apetrechos de proteção, como capacete, tornozeleira, cotoveleira e joelheira custa, em média, R$ 440.

VISIBILIDADE

Marginalizado durante muito tempo, o skate ganha mais visibilidade ao longo dos anos e o sucesso dos skatistas brasileiros tem reforçado este momento.

A lojista Letícia Carolina Gertrudes diz que, em sua loja, as vendas também começaram a aumentar e um dos fatores mais gratificantes para ela foi observar que cada vez mais meninas se aventurando no skate.

"Nossas vendas já vêm em uma crescente há alguns meses, mas o que marcou para mim foi perceber o 'boom' de vendas para meninas, seja de peças de roupas ou até mesmo o primeiro skate delas", afirma Letícia Gertrudes.

Para a funcionária, houve também a mudança da faixa etária em relação a procura dos produtos. "Recentemente os produtos da loja vem agradando o público infantil, principalmente os tênis e camisetas relacionados a moda streetwear", afirma.

Ela afirma que o carro-chefe da loja são os calçados e que o estoque de vestuário sempre está se renovando com as peças mais modernas do mercado e, nas últimas semanas, intensificaram a divulgação nas redes sociais para atingir o maior número de pessoas. "Divulgamos nossos produtos nas redes sociais para ter contato direto com os jovens, que são os maiores frequentadores da nossa loja", diz.

 


Galeria de Fotos


Notícias relevantes: