Jundiaí

Hospital Universitário é escolhido para participar de projeto do Proadi


ARQUIVO PESSOAL
Segundo Daniela Rodrigues, o foco do programa sera a UTI Neonatal
Crédito: ARQUIVO PESSOAL

O Hospital Universitário de Jundiaí foi escolhido para fazer parte o projeto “Saúde em Nossas Mãos - Melhorando a Segurança do Paciente em Larga Escala no Brasil" através do Programa de Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde - Proadi-SUS. Esse projeto é do Ministério da Saúde e tem como objetivo a redução das infecções hospitalares a nível nacional, promovendo o suporte técnico e metodológico para que os hospitais selecionados possam implementar ou aprimorar o seu desempenho na Segurança do Paciente por meio da aplicação de diretrizes de práticas seguras para prevenção de infecção.

A iniciativa selecionou 204 instituições e o HU está entre eles. Cada grupo de 34 hospitais será acompanhado por profissionais dos Hospitais de excelência, que compõe o Proadi-SUS. A unidade será responsável pela condução das sessões virtuais de treinamento, assim como o suporte contínuo e pelas visitas virtuais ou presenciais.

"Jundiaí investe em Saúde, em todos os âmbitos. O HU é referência em alta complexidade materno-infantil para a região. O programa vem agregar mais conhecimento e qualificação a um serviço que já é de excelência", explica o prefeito Luiz Fernando Machado.

O Hospital Universitário está sempre em processo de evolução, e com essa metodologia irá aprimorar ainda mais todas as ações. “O foco desse programa é aplicar principalmente na UTI Neonatal e estender para as outras duas Utis. Com essa metodologia o hospital vai aprimorar suas técnicas para diminuir ainda mais a taxa de infecção hospitalar em pacientes de alto risco”, explicou Daniele Rodrigues, enfermeira do setor de controle de infecção hospitalar (SCIH) do Hospital Universitário de Jundiaí.

O Hu participará com uma equipe com profissionais de diversas áreas como: SCIH, hotelaria, qualidade, gerência assistencial e diretoria clínica. “Não foi fácil o processo para ser aceito no programa. Tivemos que apresentar diversos documentos e passar por uma extensa entrevista onde foram analisados os critérios para a nossa participação. “O projeto irá prestar suporte para que as equipes simplifiquem e padronizem seus processos. É uma honra fazer parte desse processo de aprendizagem, conhecimento e sustentabilidade”, comentou Daniele.

O projeto tem parceria com os seis hospitais do Proadi: Hospital Albert Einstein, Hospital Alemão Oswaldo Cruz, Hospital da Beneficência Portuguesa, Hospital do Coração, Hospital Moinhos de Vento e Hospital Sírio Libanês, que será os responsáveis por todo o suporte técnico ofertado nas capacitações.


Galeria de Fotos


Notícias relevantes: