Jundiaí

Lojas de fantasias projetam aumento nas vendas de até 70% no Halloween

Com decorações, acessórios e fantasias, o mês de outubro costuma ser movimentado


               ALEXANDRE MARTINS
Larissa Ragognette espera um grande movimento neste Dia das Bruxas
Crédito: ALEXANDRE MARTINS

Animados para a chegada do Halloween, comemorado no dia 31 de outubro, proprietários e funcionários de lojas de fantasias revelam que as expectativas de vendas estão altas e pretendem superar os números do ano anterior em até 70%.

A proprietária de uma loja de decorações do Centro, Thaís Talhares, já começou a decorar a vitrine da sua loja para atrair os clientes e espera que a procura pelos itens de Halloween aumente nos próximos dias. "As novas peças chegaram esta semana e já estamos decorando toda a loja para atender a procura dos clientes, geralmente as vendas começam no final de setembro", afirma a proprietária.

A maior procura é de decorações para as casas, além dos acessórios que atraem clientes de todas as idades. "As decorações de halloween são os itens mais vendidos desta época, mas também temos bastante procura pelos acessórios, como chapéus, caldeirões e máscaras", afirma Thaís.

A proprietária diz que as vendas do ano passado foram boas, mas espera superá-las neste ano. "Minha meta é vender 30% a mais do que o ano passado. Com as aulas voltando acho bem possível isto acontecer", diz.

A gerente de uma loja de fantasias do Centro, Larissa Ragognette, espera um grande movimento neste Dia das Bruxas.

Com foco nas decorações, acessórios e fantasias, o mês de outubro costuma ser bem movimentado na loja. "Durante todo o mês de outubro a procura pelos artigos de Halloween é intensa, já recebemos as novas coleções e começamos a decoração da entrada da loja nesta semana", afirma Larissa.

NOVIDADES

Para este ano, o diferencial da loja são os kits de maquiagem cenográficos de Halloween, que devem atrair tanto as crianças como os adultos. "A maquiagem foi uma novidade que trouxemos para a loja este ano, ao invés de vender só máscaras e acessórios comuns, decidimos inovar e trazer algo que deve agradar todos os públicos", explica a gerente.

Pensando em superar em 70% as vendas do ano passado, a proprietária de uma loja de fantasias na Vila Arens, Renata Capitani, já renovou os estoques com as novas mercadorias para este ano.

O foco da loja são as fantasias e a maior procura são pelos modelos infantis. "As fantasias para crianças representam 60% das vendas da loja, o restante são de vendas para os adultos que compram fantasias ou acessórios para acompanhar os filhos", explica Renata.

A proprietária está otimista para as vendas começarem e já prepara ações para atrair os clientes para as lojas. "Sempre divulgo todas as novidades nas redes sociais, que costuma ter um ótimo retorno, e pretendo fazer promoções pontuais em outubro", afirma.

(Luana Nascimbene)

 


Galeria de Fotos


Notícias relevantes: