Jundiaí

Casos de covid-19 avançam 20% na última semana e AUJ investe em Saúde

Apesar da queda em Jundiaí, na Região houve aumento nos casos confirmados


DIVULGAÇÃO
A pandemia ainda tem oscilações altas em alguns municípios da Região
Crédito: DIVULGAÇÃO

Em Jundiaí, conforme noticiado recentemente pelo JJ, houve queda de 50% nos casos de covid-19 ao longo deste mês. Na Região, porém, a tendência é diferente em algumas cidades e, de modo geral, os municípios tiveram aumento de 20% nos casos registrados entre e primeira semana de setembro (de dois a oito) e a última (de 16 a 22).

Enquanto Jarinu, Itupeva e Louveira registram queda de casos semana a semana, Campo Limpo Paulista e Cabreúva tiveram aumento na última semana e Várzea Paulista teve um aumento na semana anterior.

O aumento mais significativo no Aglomerado Urbano de Jundiaí (AUJ) nas últimas duas semanas foi o Campo Limpo Paulista. Saltou de três casos registrados na semana de nove a 15 deste mês para 97 na semana de 16 a 22. Já a queda mais significativa, sem considerar Jundiaí, foi em Louveira que teve 53 casos registrados na semana de nove a 15 e 49 na semana de 16 a 22.

Os óbitos mantêm estabilidade baixa em todos os municípios. Itupeva mesmo, não registrou nenhum óbito neste mês até o momento.

INVESTIMENTOS

Mesmo que o período atual da pandemia seja relativamente estável, em todo o AUJ as prefeituras têm planejamentos para a infraestrutura de Saúde. Em Jundiaí, o orçamento para a Saúde é projetado em de R$ 2,9 bilhões para os próximos quatro anos.

Neste ano, já foram entregues as reformas de três UBSs e há mais quatro adequações em curso. Para 2022, 2023 e 2024 estão previstas as reformas e adequações em mais 23 equipamentos da Saúde.

Várzea Paulista ganhará um novo hospital de média complexidade com UTI, maternidade, centro cirúrgico e centro de diagnósticos, ao lado do Paço Municipal, com entrega prevista para 2024. A construção já está no Plano Plurianual, mas a prefeitura também buscará, junto à Câmara Municipal, recursos do governo estadual e federal.

Segundo o prefeito Rodolfo Braga, a obra começa no primeiro semestre de 2022, mas a construção já foi iniciada. "Uma obra desse porte requer muito planejamento e inúmeros trâmites antes de erguer o prédio. A escolha criteriosa do local onde será construído, os estudos de viabilidade e o início dos processos licitatórios, como o do projeto executivo, já deram ao projeto o pontapé inicial."

Em Itupeva, a Secretaria de Saúde informa que recebeu R$ 620 mil de verba parlamentar. Este dinheiro será destinado à construção da nova base de atendimento pré-hospitalar (R$ 400 mil) e aquisição de uma nova ambulância estruturada para atendimento de UTI (R$ 220 mil).

O Hospital Municipal Nossa Senhora Aparecida está em período de obras para ampliação. Foram feitos um novo Setor de Cirurgia Geral, o atendimento de endoscopia digestiva e houve ampliação do Setor de Ortopedia, além da futura implantação de colonoscopia. A cidade também está construindo a UBS do Quilombo e deve fazer a nova UBS no Santa Fé e reformar a UBS da Vila São João.

Em Campo Limpo Paulista, algumas emendas parlamentares já estão previstas para projetos relacionados a área da Saúde, principalmente à saúde da mulher. também está prevista uma reforma no Ambulatório Central, que deve começar já nos próximos meses.

(Nathália Sousa)

 


Notícias relevantes: