Jundiaí

Apresentação de metas fiscais atesta boa saúde financeira de Jundiaí

O município arrecadou 74,5% da meta de R$ 2,5 bilhões nos primeiros oito meses do ano


D
QR_SAUDEFINANCEIRA
Crédito: D

Em audiência pública na Câmara Municipal de Jundiaí, nesta quinta-feira (30), a Unidade de Gestão de Governo e Finanças fez a apresentação do cumprimento das metas fiscais do segundo quadrimestre de 2021 em Jundiaí. O conjunto de dados apresentado atesta a boa saúde financeira do município, com a arrecadação de 74,5% da meta de R$ 2,5 bilhões nos primeiros oito meses do ano.


A Lei de Responsabilidade Fiscal divide o ano em três quadrimestres, para que o gestor municipal apresente os resultados das metas fiscais aprovadas no orçamento do ano anterior. A apresentação do evento foi feita pelo gestor adjunto de Finanças, José Roberto Rizzotti, e teve transmissão ao vivo pelo Facebook, YouTube e pela TV Câmara (12.2 UHF e 4 NET).


“A pandemia trouxe incertezas e desafios, mas, apesar dela, o Orçamento Municipal está equilibrado e as metas estabelecidas para os índices principais de gastos da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) estão dentro do limite”, observou o gestor adjunto. “O município sempre teve boa saúde orçamentária e financeira, com uma administração estratégica, que entrega serviços públicos de qualidade para a população.”

Despesas com áreas fundamentais para a população da cidade também chamam a atenção: em Jundiaí, foram aplicados, até o segundo quadrimestre deste ano, R$ 435 milhões em Saúde e R$ 306 milhões em Educação. Essas duas áreas estratégicas para o desenvolvimento da cidade representam cerca de 48% do total do orçamento municipal. Quanto às despesas, o gestor adjunto lembrou que os gastos com pessoal representam a maior fatia.

Segundo a LRF, os municípios podem gastar até 54% de sua receita corrente líquida com pessoal. Em Jundiaí, o gasto chega a 42%, o que equivale a R$ 967 milhões. Já a dívida do município corresponde, hoje, a 24% da Receita Corrente Líquida (ano passado era de 26%), muito abaixo do teto permitido pela LRF (120%), mostrando baixo nível de endividamento.


Todos os dados apresentados estão disponíveis no portal da transparência da Prefeitura no link: https://transparencia.jundiai.sp.gov.br/financeiro/orcamentos-e-contas/audiencias-publicas/#barra-superior


Galeria de Fotos


Notícias relevantes: