Jundiaí

Vendas de Halloween têm aumento de 70% e superam expectativas


ARQUIVO PESSOAL
Roseli Mendonça diz que as vendas para o halloween aumentaram 70%
Crédito: ARQUIVO PESSOAL

As vendas de fantasias, acessórios e decorações para o Halloween já dispararam. De acordo com lojistas e proprietários dos estabelecimentos, as vendas superaram o ano anterior em até 70%.

Os proprietários de uma loja de itens de festas no Centro, Giuliano Mantovani e Gabriel Mantovani disseram que as vendas deste ano começaram mais cedo do que o previsto. "Nos antecipamos nos estoques e produtos de halloween que começaram a ser expostos na loja no final de agosto e as vendas deste ano tiveram início em setembro", afirma Giuliano.

As decorações foram os destaques porque têm chamado a atenção de adultos e crianças. Segundo Gabriel Mantovani, o interesse dos brasileiros pela comemoração popular nos Estados Unidos, vem crescendo significativamente nos últimos anos. "A cada ano há crescimento nas vendas em relação anterior e muito por conta da popularização da data no Brasil, é cada vez mais comum festas temáticas nas escolas e condomínios no final de outubro", afirma Giuliano.

EXPECTATIVA

De acordo com a proprietária de uma loja de fantasias no Vianelo, Roseli Mendonça, as vendas dos itens para o 'dia das bruxas' aumentaram 70% até o momento, em relação ao ano passado. "O movimento superou totalmente minhas expectativas, nas últimas semanas a loja ficou cheia praticamente todos os dias e espero que aumente ainda mais até o último dia do mês", afirma Roseli.

Segundo a lojista, a data só perde para o Carnaval. "As vendas do Halloween estão bem próximas do que costuma ser no Carnaval, a diferença é bem pequena", diz.

Em seu estabelecimento, os produtos mais procurados são as fantasias infantis, decorações e acessórios e maquiagem para adultos. "Os adultos também participam bastante das datas comemorativas com os filhos, então as vendas costumam ser boas para ambos os perfis", afirma Roseli.

Para a proprietária de uma loja de fantasias, Renata Capitani, as vendas tiveram um aumento de 60%, mas espera que este número aumente até a data. "Já me surpreendi positivamente com o aumento significativo, mas acredito que até o final do mês o índice chegue em 70%, diz a lojista da Vila Arens.

O movimento da loja foi tão grande em outubro que Renata precisou repor as mercadorias. "As vendas foram muito maiores do que o esperado e foi preciso repor o estoque dos produtos", completa a proprietária.

(Luana Nascimbene)


Notícias relevantes: