Jundiaí

Produtores rurais contam com serviços gratuitos que ampliam a produção agrícola em Jundiaí

São diversos programas e projetos como o Pagamento por Serviços Ambientais (PSA) e o Nascentes de Jundiaí


DIVULGAÇÃO
agricultura
Crédito: DIVULGAÇÃO

Com o foco de apoiar e oferecer soluções para o abastecimento local e desenvolvimento sustentável do agronegócio, a Unidade de Gestão de Agronegócio, Abastecimento e Turismo (UGAAT), da Prefeitura de Jundiaí, oferece aos produtores rurais da cidade uma gama de serviços gratuitos que ajudam a ampliar a produção agrícola na cidade.

São diversos programas e projetos como o Pagamento por Serviços Ambientais (PSA) e o Nascentes de Jundiaí, que preservam os remanescentes de florestas, recuperam áreas desprotegidas com plantios de árvores nativas, que resultam em impacto positivo, pois amplia a proteção do solo, mantém a terra fértil e a produção agrícola do entorno.

Já o programa Campo Limpo auxilia os produtores no descarte correto das embalagens vazias de defensivos agrícolas com coleta que atende às legislações vigentes e com redução de risco para a saúde e danos ao meio ambiente. O monitoramento da Fertilidade do solo oferece análise química e física para o diagnóstico do solo e recomendação de adubação para propriedades produtivas. E ainda tem a oferta gratuita de cavaco material proveniente da trituração dos restos de podas de árvores da cidade, que ajuda no enriquecimento orgânico ao solo.

“Em Jundiaí, os programas e projetos apoiam as políticas implementadas, que preservam o meio ambiente ao mesmo tempo que favorecem a produção de água, fortalecem o solo e consequentemente refletem no aumento da produção rural”, afirma o prefeito Luiz Fernando Machado.

O apoio e serviços gratuitos são aprovados e bem recebidos pelos agricultores. Anderson Alex Tomasetto produz uvas no bairro do Traviú e utiliza diversos programas como a Análise de Solo, Subvenção Agrícola, Campo Limpo, já fez a retirada de cavaco e ainda faz parte do PSA e Nascentes.

“Os serviços são muito bons e ajudam o produtor rural. A Análise de Solo é muito boa, faço o uso há alguns anos e esse acompanhamento é primordial para não deixar o solo esgotar. Neste ano, fiz a retirada do cavaco pela primeira vez e já senti diferença. Por conta da estiagem, o solo fica mais seco, mas o material orgânico foi fundamental para manter a umidade do solo”, afirma o produtor rural.

O PSA concede incentivo financeiro aos agricultores para a conservação dos remanescentes, enquanto o Nascentes ajuda as empresas que precisam reparar algum dano ambiental que causaram. “O programa indica as propriedades e o produtor tem sua área recuperada com qualidade e sem custo”, lembra a diretora do Departamento de Agronegócio, Isabel Harder.

Os serviços oferecidos pela UGGAT valorizam o agronegócio, com preocupação com a melhoria da qualidade de vida e o desenvolvimento econômico sustentável “sempre alinhado aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU)”, pontua o gestor da UGAAT, Eduardo Alvarez.

Para mais informações sobre os serviços gratuitos oferecidos pela UGAAT, os produtores rurais podem entrar em contato pelos telefones 4589-8581/8872 ou acessar o site (https://abastecimento.jundiai.sp.gov.br/).


Galeria de Fotos


Notícias relevantes: