Jundiaí

Feriado prolongado registra 4 ocorrências de violência doméstica no AUJ

Polícia Militar de Jundiaí registra ocorrências de violência doméstica


Divulgação
Feriado prolongado registra quatro ocorrências de violência doméstica
Crédito: Divulgação

O feriado prolongado registrou 4 ocorrências de violência doméstica no Aglomerado Urbano de Jundiaí. A Polícia Militar atendeu 1 caso de descumprimento de medida protetiva e outros 3 casos de agressão.

 

POLICIAL CIVIL TENTA MATAR EX-COMPANHEIRA

Em Itupeva, um policial civil que trabalha na Capital, desferiu sete facadas contra a ex-companheira, no bairro Monte Serrat, neste segunda-feira (15). A mulher, que está grávida de nove semanas, foi levada ao pronto socorro, mas precisou ser transferida ao Hospital São Vicente logo em seguida.

A mulher está com nove meses de gestação, esperando um bebê do autor do crime, mas eles se separaram porque o homem é violento e a agredia sempre. A vítima relatou que o homem estava em um churrasco, muito agressivo, e em uma discussão, pegou a faca e atingiu a vítima várias vezes na barriga. Ele fugiu enquanto ela era socorrida.

Segundo relato da vítima, o autor é policial civil e trabalha no 42 Distrito Policial de São Paulo (Pq São Lucas). Na data de hoje ambos estavam participando de um churrasco no local dos fatos e Thiago teria feito uso de substância entorpecente manifestando comportamento agressivo e muito alterado muniu-se de uma faca e desferiu os golpes na vítima sendo localizados na barriga, nos braços, e o objeto ficou alojado nas costas e após evadiu-se tomando rumo ignorado. Consignou ainda a vítima que foi amasiada com Thiago por algum tempo e que já havia sido agredida anteriormente motivo pelo qual separou-se recentemente.

 

BRIGA NA FESTA DO CONDOMÍNIO

A Guarda Municipal de Jundiaí foi acionada pela Unidade de Pronto Atendimento (UPA), que relatou entrada no sistema de saúde uma paciente do Jardim Novo Horizonte havia sofrido violência doméstica. 

A mulher foi levada até o Posto de Saúde por populares, e ela informou ao médico que teria ingerido bebida alcoólica e drogas na festa do condomínio juntamente com o marido. A mulher ficou em observação recebendo medicação prevista.

O marido da vítima se dirigiu até a Upa para dar sua versão sobre os fatos e afirmou que durante uma festa o casal teve uma discussão, e no decorrer do conflito verbal, a esposa o agrediu e ele empurrou a mulher para se defender.

A Guarda de Jundiaí juntamente com o marido foram até o Plantão de Jundiaí para registrar o fato, mas a mulher ficou na UPA sendo medicada.

 

CIÚMES DO EX-COMPANHEIRO

No dia 14, a Polícia Militar foi acionada em Jundiaí após um casal brigar por motivos conjugais. Ao chegar ao local, a vítima estava do lado de fora, suja de sangue, e o agressor dentro do imóvel. Segundo o agressor, a briga teria se iniciado após a mulher fazer um comentário positivo sobre o ex-companheiro

O indiciado confessou ter agredido a parceira, foi preso em flagrante por violência doméstica e encaminhado ao Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista, onde deve aguardar a decisão judicial.

 

HOMEM INVADE CASA DA EX-MULHER

Os Guardas Municipais foram acionados para atender ocorrência de um descumprimento de medida protetiva. A mulher afirmou que o homem estava tentando entrar em sua residência na rua José Francisco Neto, no Jardim Sales.

O homem foi conduzido para a delegacia devido ao descumprimento da medida protetiva que havia sido concedida para a mulher e sua filha há pouco tempo. Foi necessário o uso de algemas devido ao receio de fuga e perigo da integridade física dos envolvidos.


Notícias relevantes: