Jundiaí

Após meses de luta contra a leucemia, Fernandinha é preparada para transplante de medula óssea

Fernanda já está internada desde a última sexta-feira e o doador será seu tio Lucas, que tem 50% de compatibilidade


DIVULGAÇÃO
Fernandinha
Crédito: DIVULGAÇÃO

A jundiaiense Fernanda Manzutti, 12 anos, enfrenta mais um importante passo em busca da cura da Leucemia Linfóide Aguda, doença que enfrenta há quase dois anos. O transplante acontecerá entre os dias 3 e 4 de dezembro, em São Paulo, no hospital 9 de Julho. Fernanda já está internada desde a última sexta-feira e o doador será seu tio Lucas (irmão da mãe, Melissa Manzutti), que tem 50% de compatibilidade.
O transplante foi indicado após ela ter passado pelo tratamento Car T- Cell, na Espanha, porque ainda há a presença de células cancerígenas na medula de Fernanda – porém, em quantidade muito reduzida em relação ao período anterior ao Car T-Cell – de 87% de comprometimento da medula com o câncer, para 0,03%. Antes do procedimento na Espanha, ela não era apta a essa possibilidade de transplante.
Mais uma vez, trata-se de procedimento delicado, mas a família segue com muita fé na cura de Fernandinha. “Pedimos para que todos vocês continuem orando pela cura da Fernanda, essa menina tão iluminada e especial”, diz a mãe, Melissa.


Notícias relevantes: