Jundiaí

Dia Mundial da Luta contra Aids: data marca importância do cuidado e fim do preconceito


Divulgação
Exames são oferecidos no CTA e nas Unidades Básicas de Saúde
Crédito: Divulgação

O Dia 1º de dezembro é dedicado à celebração do Dia Mundial da Luta contra a Aids, doença que ainda impacta a sociedade. A cidade oferece, pela rede de Saúde, além de informação sobre como se proteger, testes e atendimento especializado para os casos positivos. Neste dia também é iniciada, em parceria com o Estado, a campanha ‘Fique Sabendo’, para a orientação sobre a realização de testes.

Em Jundiaí, o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) oferta testes rápidos gratuitamente de segunda a sexta-feira, das 7h às 15h30, sem necessidade de agendamento ou encaminhamento médico, além da PEP e PrEP, medidas de prevenção com medicamentos contra o HIV.

De acordo com a coordenadora do CTA, Lurdes Munhoz, a população não deve ter receio de buscar por atendimento e os testes, oferecidos gratuitamente. “Jundiaí conta com uma rede estruturada e completa para o cuidado integral da população. Ao ser diagnosticada com HIV, o acompanhamento é feito por equipe multiprofissional, que darão o suporte e acolhimento necessário, bem como o protocolo medicamentoso necessário para a pessoa e sua família”, detalha.

Em dezembro, a partir do dia 1º – Dia Mundial da Luta contra a Aids – a campanha estadual Fique Sabendo é iniciada com o objetivo de ampliar o acesso da população aos testes de HIV e Sífilis, tendo em vista a importância do diagnóstico precoce para a garantia da qualidade de vida das pessoas, além da diminuição da transmissão involuntária. As UBSs e o CTA oferecerão os testes. Outras ações também serão realizadas ao longo do mês para conscientização.

De acordo com a coordenadora do CTA, as pessoas sexualmente ativas devem realizar testagem para o HIV, Sífilis, dentre outras Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) periodicamente. “O Dia Mundial da Luta Contra a AIDS e a campanha Fique Sabendo servem para sanar preconceitos e desinformação com relação à doença e aqueles que a portam”, finaliza. De acordo com dados da Vigilância Epidemiológica (VE) da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS), Jundiaí registrou, entre janeiro a novembro de 2021, 99 casos de HIV.

O CTA fica na rua Conde de Monsanto, 480, Vianelo. O telefone para contato é (11) 4527-3770. O atendimento também é feito, para dúvidas, pelo e-mail [email protected]


Notícias relevantes: