Jundiaí

Escola Inovadora: Estudantes participam de projeto de empreendedorismo

A iniciativa faz parte do Projeto JEPP – Jovens Empreendedores Primeiros Passos, uma proposta do Sebrae, que visa oferecer noções de investimentos, planejamento e empreendedorismo


DIVULGAÇÃO
Tomas com a mãe Camila. Mesmo tímido, o estudante convidou os clientes para conhecerem os produtos
Crédito: DIVULGAÇÃO

Os estudantes da EMEB Professora Anna Rita Alves Ludke produziram bolachinhas, temperos naturais, aromatizadores e venderam para pais e familiares. A iniciativa faz parte do Projeto JEPP – Jovens Empreendedores Primeiros Passos, uma proposta do Sebrae, que visa oferecer noções de investimentos, planejamento e empreendedorismo.

Durante a ação de venda dos produtos, Tomás Dantas Tibúrcio Costa, 8 anos, ficou na porta da sala de aula, chamando os clientes. “Venham, venham conhecer a nossa loja, está baratinho!”. O estudante contou sobre sua participação no evento. “Está sendo muito legal porque estamos fazendo uma feira e vendendo temperos naturais”, contou.

A mãe de Tomás, Camila Dantas Tibúrcio acompanhou orgulhosa o filho convidando os clientes. “Ele é tímido, mas estava muito empolgado e contando os dias para chegar o momento da ação. Essa atividade é sensacional para estimular o desenvolvimento financeiro. Vim de São Paulo e o Tomas começou a estudar em Jundiaí em fevereiro. O município está de parabéns, o ensino de Jundiaí é muito bom”, declarou.

Para chegar até a venda do produto ao consumidor final, os estudantes vivenciaram diversas etapas, inclusive com temas sobre educação financeira e até o básico de contabilidade. Para a preparação dos produtos, algumas turmas fizeram até um empréstimo, sem juros. ‘Durante o ano as professoras trabalharam com o tema, tivemos até a participação de um pai que é contador para falar sobre educação financeira. O projeto é totalmente focado na sustentabilidade. Cada série desenvolve atividades compatíveis com a idade das crianças durante todo o ano”, explicou a coordenadora, Regiane Galouro.

Benjamin Moura Viana foi outro aluno que se destacou durante a ação. Com a ajuda da mãe, ele conseguiu fazer a venda de aromatizadores e sachês perfumados para familiares e até vizinhos do condomínio onde mora. “A minha mãe teve a ideia de eu fazer um vídeo para as pessoas que conhecemos, ela organizou em um planilha e deu certo. Vendemos R$ 460”, contou com alegria o estudante.

O dinheiro arrecadado com as vendas dos produtos vai proporcionar que os alunos possam por um dia de muita diversão. “A cada ano eles escolhem um local, negociamos com as empresas para que as crianças possam aproveitar a tarde com o dinheiro conquistado por eles”, contou Regiane.

Educação financeira, empreendedorismo estão entre os temas trabalhados pela Escola Inovadora. “Jundiaí investe na qualidade da educação e acredita na potência da criança. Este é um dos programas que mostra o quão valiosa é a experiência e vivência para que as aprendizagens se concretizem e façam parte da vida das crianças”, afirma a gestora de Educação, Vastí Ferrari Marques.

O JEPP é promovido desde 2019, atualmente, em 15 escolas da rede municipal. Dentro das ações, são promovidas capacitações anuais com os professores pelo Sebrae, para que eles possam desenvolver as atividades com os estudantes.

 

Credito: DIVULGAÇÃO / Descrição: Benjamin mostra os aromatizadores para os clientes da lojinha da sua turma


Galeria de Fotos


Notícias relevantes: