Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Aeroporto de Jundiaí prestes a se tornar um Smart Airport

THIAGO AVALLONE | 30/08/2019 | 05:04

Na tarde de ontem (29), foi reinaugurado o terminal de passageiros no aeroporto Comandante Adolfo Amaro, em Jundiaí. Cerca de R$ 3 milhões em pavimentação, sistema de rádio navegação (GPS) e de aproximação de pousos (PAPI) foram investidos na obra para que Jundiaí passe a ser um Smart Airpot.

Coronel Marcel Moure, presidente da Voa SP – consórcio que administra o aeroporto – apresentou para empresários, representantes do estado e do município, o novo espaço com inovações tecnológicas e salas de coworking e de relaxamento para pilotos. De acordo com o coronel, além de toda a inovação, Jundiaí poderá ser a primeira cidade com aeroporto verde no Brasil.

“Nós vamos ter combustível de mercado para o cliente final, e além disso com o programa Carbon offset, as aeronaves que abastecerem aqui farão com que Jundiaí se torne o único aeroporto verde no estado e no Brasil. Ações que nos permitirão adentrar numa nova era, visando questões ambientais, pois gostaríamos de dar exemplo para a sociedade”, afirma o Coronel.
Ele afirma que o aeroporto já está em totais condições de receber o movimento de até 100 passageiros simultaneamente e que o próximo passo é a construção de um terminal exclusivo para os voos comerciais e assim funcionar como tal.

“Nós vamos iniciar a parte técnica, operando em condições meteorológicas adversas, teremos pouso por instrumento, vamos operar 24h, instalamos o sistema PAPI de gerenciamento de aproximação para os pilotos, na sequencia preparamos com a ANAC a aprovação para virarmos comercial. Acredito que ao longo de 2020 o aeroporto vire comercial”, explica o presidente da Voa SP.

Gestor de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia de Jundiaí, Messias Mercadante esteve no evento representando o prefeito Luiz Fernando. De acordo com o gestor, o investimento é muito importante e relevante para o município, pois a modernidade do aeroporto fica a altura da cidade de Jundiaí.

“Jundiaí é uma cidade forte economicamente e o investimento vem para somar. Os objetivos do Voa SP caminham juntos com os de Jundiaí. Sendo autorizado a operar por instrumentos o aeroporto funcionara 24h e poderá receber voos comerciais de aviões de pequeno porte”, explica Mercadante.

O aumento de fluxo de voos beneficiará a população e a cidade, já que a receita tributária começa a ser elevada. “A nova infraestrutura já gera um grande benefício à Jundiaí, uma vez que já aumentou o fluxo de aeronaves, e o imposto sobre serviço já começa a chegar aos cofres municipais”, reforma o gestor.

A advogada Juliana Fachada, proprietária de um hangar em Jundiaí há mais de 5 anos, também esteve no evento e afirma estar empolgada com toda a reforma. “O investimento vai trazer um enorme beneficio para usuários, proprietários de hangar e pilotos. O aeroporto vai ter mais pouso, mais decolagem e mais clientes, o que fará bem para todos”, explicou advogada.


Leia mais sobre | |
THIAGO AVALLONE
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/aeroporto-de-jundiai-prestes-a-se-tornar-um-smart-airport/
Desenvolvido por CIJUN